29 de out de 2008

A dose certa de assertividade (Renata Avediani - Você S/A)

Este é um artigo escolhido especialmente para os leitores da Oficina de Gerência. Assertividade, hoje em dia, é mais que uma habilidade. É uma característica pessoal, uma marca e uma ferramenta, imprescindíveis, para quem está na raia disputando as medalhas de ouro no mundo corporativo.

O mais interessante é que este... conceito (?) embora tenha definição objetiva nos dicionários, na linguagem corporativa ainda está naquele limbo da consultoria especializada que eu costumo classificar de deixa que eu chuto. Ou seja, os especialistas, ainda, não acordaram em uma descrição comum.

Vejamos três interpretações (entre dezenas) retiradas de artigos na Internet:

  • "Assertividade: pouco comentada, contudo fundamental!” É assim que costumo resumir a importância deste tipo de comportamento durante as entrevistas de emprego e dinâmicas de grupo. São simples atitudes que irão ajudá-lo a demonstrar suas competências e habilidades durante os processos de seleção, como também aquilo que precisa evitar." (por Wellington Moreira advogado e consultor empresarial da Caput, empresa na área de treinamento e consultoria empresarial) [clique aqui para ver o artigo, se tiver interesse]
  • "Assertivo designa aquela pessoa que procura manter uma certa ordem no que diz respeito a vários aspectos da vida, é assertiva aquela pessoa que cobra do outro aquilo que é justo, que paga suas contas em dia, enfim, procura ser justa, E qto a ser boa, sim, principalmente com ela mesma, pois a assertividade é a base de uma vida justa e equilibrada." (resposta conseguida no Yahoo-Respostas)
  • "Você sabe exatamente o que significa a palavra assertividade? Muito se fala, muito se ouve e muitos pedem que você seja assertivo, não é? Pois saiba que esse comportamento influencia muito os seus relacionamentos na vida pessoal e na vida profissional, podendo, inclusive, interferir no desenvolvimento da sua carreira. Mas o que é assertividade? A explicação - assim como o comportamento assertivo - é direta: ser assertivo é ser objetivo, honesto, sem rodeios. Ou se é assertivo ou não. Não existe meio termo." (Daniel Limas - da Catho) [clique aqui se quiser ler o artigo]

Que tal? É ou não uma... salada de idéias? Bão se preocupe porque consultoria é assim mesmo. Aliás, como costumo dizer, assertividade é o que chamo de "nome novo para idéia velha". Perceba que todos os grandes líderes da humanidade (positivos e negativos) foram assertivos e naqueles tempos, nem eles sabiam que eram (o carimbo devia ser outro...)

Acho que cabe aqui, sobre assertividade, a famosa frase Ser ou não ser?, de Hamlet, o príncipe da Dinamarca (Shakespeare). Para ser assertivo, encerro esta introdução recomendando que encontre, você mesmo, a sua conceituação. Não se deixe confundir! Leia, pesquise e faça testes, mas não perca de vista que é necessário reconhecer o seu grau de assertividade. Todavia é importante que se preocupe em desenvolvê-lo pela via do treinamento até que se torne um hábito e uma característica pessoal. No futuro, como nos dias atuais (no passado também) os "donos do mundo" serão os assertivos, seja qual for a definição que se carimbe para o conceito. Portanto, mãos à obra.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

A dose certa de assertividade

Clareza e foco são essenciais para o sucesso profissional. Faça o teste e veja se você precisa aperfeiçoar essas habilidades

Por Renata Avediani

"Comunicar idéias com clareza, manter o equilíbrio durante uma discussão e aceitar pontos de vista diferentes são atitudes importantes para o seu desempenho profissional. Todas elas estão relacionadas à assertividade, uma competência fundamental para quem deseja crescer na carreira e melhorar o comportamento no trabalho. Segundo o dicionário Houaiss, trata-se da capacidade de fazer afirmações categóricas. Na carreira, sua missão é ficar na medida certa dessa competência, sem parecer indeciso ou agressivo. Encontrar esse equilíbrio requer treinamento, e pode levar mais ou menos tempo, dependendo da sua dedicação.

O administrador Mário Cury de Paiva, de 49 anos, gerente de operações comerciais da Datasul, desenvolvedora de software, por exemplo, demorou para conseguir se expressar de maneira mais precisa e objetiva. Com medo de chatear os colegas de trabalho, ele tinha dificuldade de expressar suas idéias, evitava discordar do chefe e nem sempre conseguia reagir diante de um conflito. “Tinha sempre a sensação de que havia feito o que era necessário, mas os resultados não apareciam”, diz. Um coach sugeriu que antes de cada conversa ou reunião Mário listasse seus objetivos. Hoje, Mário não sai de uma conversa com questões pendentes. “Se tivesse descoberto isso antes, acho que teria crescido mais rápido na carreira, fechado mais contratos e recebido mais desafios”, afi rma. Avalie, no teste abaixo, se você pratica a assertividade na dose certa. Depois, confira cinco dicas que vão ajudar você a desenvolver mais essa competência."

Calibre a sua pontaria
Cinco dicas para você desenvolver sua assertividade:

1. Organize o pensamento Antes de uma reunião ou conversa importante, reserve 15 minutos para colocar no papel seus objetivos, as idéias que deseja apresentar e os argumentos que vão fundamentá- las. “Com conceitos ordenados, é mais fácil criar um raciocínio lógico, que o ajudará a expor as idéias de forma objetiva e clara, aumentando as chances de serem ouvidas e seguidas”, diz Marisa da Silva, consultora da Career Center, de São Paulo.

2. Avalie seu comportamento Pergunte ao time como as pessoas enxergam seu comportamento. É a melhor forma de conhecer a imagem que passa aos outros — ela é um reflexo de como você está agindo. Indague sobre os momentos em que eles acreditam que sua atitude não foi adequada. “É importante estar aberto para críticas e, mesmo que não concorde, ouça com atenção e avalie onde e como melhorar”, diz Marisa.

3. Mude aos poucos Faça a lista das situações em que gostaria de ser mais assertivo e ordene-as da mais simples à mais complexa. Se no topo da lista está dizer mais ‘não’, por exemplo, comece a exercitar isso no dia-dia. Quando estiver mais seguro, passe para o próximo item. Tentar mudar tudo de uma vez traz ansiedade e aumenta as chances de fracasso. “Sair da zona de conforto é difícil e falhar faz parte do processo”, diz Francisco Ramirez, professor de gestão de pessoas do Ibmec São Paulo.

4. Invista na segurança Para conseguir argumentar e defender seu ponto de vista, em qualquer situação, é importante dominar o assunto em questão. Busque informação sobre o tema em pauta e levante possíveis dúvidas que possam surgir. “Segurança é o segredo da assertividade. Se está confiante, terá mais firmeza na hora de agir e falar”, diz a consultora.

5. Evite os impulsos Diante de uma discussão, o ideal é esfriar a cabeça. Agir sem pensar aumenta as chances de ser grosseiro ou deixar passar coisas importantes. “Durante conflitos há muitas emoções afloradas. Assertividade requer equilíbrio”, diz Anderson Sant’Anna, coordenador do núcleo de desenvolvimento do conhecimento em liderança da Fundação Dom Cabral, em Belo Horizonte (MG). Acalme os ânimos e conduza a situação com transparência.
[clique aqui se quiser ler o artigo no contexto do site de origem]
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
(vá para o post abaixo se não quiser ir para o site)
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blogs que me encantam!


..saia justa......† Trilha do Medo ♪....Blogueiros na Web - Ensinando o Sucesso no Blogger e Wordpress!..Emprego Virtual..Blog Ebooks Grátis....http://3.bp.blogspot.com/_vsVXJhAtvc8/ShLcueg5n2I/AAAAAAAACqo/sOQqVTcnVrc/S1600-R/blog.jpg..http://lh6.ggpht.com/_vc1VEWPuSmU/TN8mZZDF9tI/AAAAAAAAIJY/GWQU-iIvToI/banner-1.jpg....Divulgar textos | Publicar artigo....tirinhas do Zé........

Estatística deste blog: Comentários em Postagens Widget by Mundo Blogger

Safernet



FinderFox

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin