25 de dez de 2007

A Corporação (2/16)

Este é o segundo vídeo da coleção de dezesseis intitulada "A Corporação". Quem não viu o primeiro está logo ai abaixo.

Continuem assistindo...






---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Visita da Adriana (Dri) Naves

" Dri Naves disse...

Herbert,Adorei seu blog!

Super bacana, dicas atuais e, o que eu gostei mais, o seu toque pessoal para os gestores do bem!

Parabéns! E feliz 2008!

Abs,Adriana Naves




A "Oficina de Gerência" recebeu , com muita alegria a visita da Adriana Naves ou Dri Naves como ela gosta de ser chamada. O texto acima é o comentário que ela deixou no post "Corporação I".
A Dri Naves é a autora do "Business Woman Blog" cujo link, desde o início do "Oficina" eu recomendei.

Tal como está no seu perfil ela é uma "executiva daquelas que combinam tailleurs elegantíssimos com raciocínios rápidos e brilhantes. Tem pós-graduação em Marketing, MBA e Especialização em Finanças. Adora esportes e desestressa em trekkings pela natureza e com todo e qualquer tipo de coisa que sirva para se conhecer melhor."

No seu blog "ela conta segredinhos, dá dicas de bem-viver, compartilha sobre como administrar seu dinheiro, como se sair bem no mundão das organizações, e, de quebra, troca confidências." Como ela mesmo diz o blog está direcionado para "coisas de mulher".

Espero que a Dri Naves volte muitas vezes e possa contribuir com a "Oficina". Publico abaixo o seu post mais recente, em retribuição à gentileza da visita e do comentário que deixou.





"21/12/2007 08:00

CONTAGEM REGRESSIVA
Acho que dezembro é o mês mais corrido do ano, pelo menos pra mim... Tudo tem prazo: fechar as metas do ano, correr atrás dos resultados e, ao mesmo tempo já planejar o ano seguinte. E a gente tem que rebolar para conseguir conciliar os milhões de eventos sociais que aparecem nesta época do ano.Aproveite e dê um gás no trabalho para fechar o ano com todo estilo, para ir atrás das metas e do tão sonhado bônus. Mostre pra vc mesma q vc pode!!E depois disso faça sua auto-avaliação. Faça uma retrospectiva de tudo o que vc conquistou durante o ano. Veja o que vc poderia ter feito melhor. Mas sempre comemore o q vc fez de bom. Trace suas metas de trabalho para o próximo ano, veja como vc pode crescer na empresa, em que área. Converse com seu superior ou com alguém que possa lhe orientar como crescer profissionalmente, planeje algum curso para o próximo ano. Enfim, pense grande!"

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

23 de dez de 2007

A Corporação (1/16)

Este vídeo inicia uma extraordinária coleção de 16 filmes que falam a respeito da formação das corporações no mundo moderno e toda a influência que elas exerceram e continuam exercendo sobre o mundo e a humanidade. Vou posta-los regularmente para os visitantes da Oficina.
Vale a pena acompanhar a série com atenção, inclusive porque além das notáveis informações, tem um verniz incomparável de cultura geral. Isto, amigos, não pode ser dispensado por quem almeja ser um habitante privilegiado do mundo corporativo.
O áudio está em inglês, mas a tradução é perfeita. Não deixem de ver. É de primeira qualidade.


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

22 de dez de 2007

Por que meu chefe não veio?

*(Autor: Luiz Augusto Costacurta Junqueira)
*CEO do Instituto MVC – Autor do livro "Cada Empresa tem o Consultor que Merece"
(Fonte: Portal HSM On-line - 12/12/2007)

“Você deveria ter convidado meu chefe para este seminário, vociferou um participante, em conversa com o Gerente do Departamento de Treinamento!”

Este é o trecho inicial do artigo escrito por JAMES C. ROBINSON, para a edição de março de 84, da revista TRAINING e reescrito por nós em 1997.

Os anos que separam a publicação dos artigos dos dias de hoje, de forma alguma afetaram seu caráter de grande atualidade.

Cada vez mais acreditamos que o treinamento é feito de exemplos e que a ausência das chefias representa, não só uma falta de comprometimento com a mudança, mas também e principalmente, um obstáculo a ela.

Este artigo explorará dois aspectos importantes: as conseqüências da ausência das chefias e o que pode ser feito para garantir a presença de ambos, superior e subordinado (simultânea ou não), nos programas de treinamento.

Conseqüências da ausência

Como dissemos anteriormente, não existe melhor programa de treinamento que aquele iniciado pela própria chefia, através de seu exemplo. Não basta dizer, é preciso fazer, e fazer sempre ... Cada vez mais os subordinados descrêem as chefias tipo “Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”. Não há confiança que resista a este tipo de postura.Tambem não basta a chefia autorizar a “”verba””; isso só não representa compromisso com os resultados." (continua)



O artigo - cujo trecho inicial está apresentado acima - trata de um assunto que é difícil de ser enfrentado nas corporações. Recomendo a leitura completa por meio do link abaixo. É um texto para ser guardado no acervo pessoal e distribuido, ou indicado no blog, para os companheiros de trabalho preocupados com um desenvolvimento da empresa.

http://oficinadegerencia2.blogspot.com/


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

20 de dez de 2007

Dilbert está de volta.

Fazia algum tempo que o Dilbert estava ausente da Oficina. Coloquei uma dose tripla para atender aos pedidos dos visitantes que são fãs do engenheiro famoso. Divirtam-se.





---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

19 de dez de 2007

Visite o seu hemisfério cerebral direito.

Coloquei dois vídeos (curtinhos) ao mesmo tempo.

Ambos são filmes de publicidade, mas vamos usa-los como metáforas para provocar reflexões sobre o dia-a-dia do mundo corporativo. O filme - com tres vídeos - sobre as trocas de pneus chegam a ser chocantes, mas têm mensagem eficaz.

Veja-os com atenção e faça um exercício sobre o que você poderia comentar a respeito se estivesse numa reunião com colegas ou subordinados.

E se numa entrevista lhes fossem apresentados os vídeos para você destacar alguma lição a ser tirada sobre o ambiente de trabalho? O que você diria?

Acredite! É um excelente exercício para treinar o seu pensamento horizontal.

Mãos à obra...

´

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Conheça a História - O Naufrágio do Titanic




Se quiser saber um pouco mais sobre o Titanic visite o site (em português) cujo lik está abaixo:


http://www.titanicsite.kit.net/

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

18 de dez de 2007

Como contratar pessoas decididas a ter sucesso


"Depois de avaliar o potencial de mais de 2 milhões de candidatos e funcionários para 25 mil empresas em todo o mundo, constatamos que, antes e acima de tudo, as pessoas alcançam o sucesso quando têm um elo forte com aquilo que fazem melhor. (o grifo é meu)

É nesse elo que o seu potencial e a sua motivação adquirem vida e podem fazer toda a diferença.Isso é particularmente verdade quando se trata de ter sucesso em cargos de liderança, gestão, vendas ou serviço ao cliente – e também de ser bem-sucedido trabalhando em equipe.

Quando buscamos alguém para contratar, precisamos descobrir se essa pessoa possui as qualidades necessárias para ser bem-sucedida.

Você consegue inspirar as pessoas e possui a intuição de antever mudanças, qualidades necessárias para liderar?

Ou possui a capacidade de tomar decisões e de inspirar respeito, para não falar na comunicabilidade que a gestão de pessoas e projetos exige?

Ou você tem a habilidade de persuadir os outros, de intuir o que estão pensando e de recuperar-se após uma rejeição – atributos essenciais para o sucesso em vendas?

Ou será que você tem o desejo de atender os outros, a atenção para detalhes e o talento organizacional necessários para ter sucesso numa posição de atendimento ao cliente?"

O trecho acima é o início de um artigo extraido do Portal HSM On-Line de 12/09/2007. Foi escrito por Herbert Greenberg, M.Ph.D, presidente e CEO da CaliperSweeney e Patrick Sweeney, Co-autor do best-seller "O sucesso tem fórmula?" e vice-presidente executivo da Caliper, uma firma internacional de consultoria que já avaliou o potencial de mais de 2 milhões de candidatos e funcionários para mais de 25 mil empresas em todo o mundo.

Para quem se interessar em conhecer todo o conteúdo do artigo - que aliás é de primeiríssima qualidade para quem está enfrentando as armadilhas do mercado de trabalho - disponibilizei-o pelo link abaixo. Recomendo ler, imprimir e distribuir aos amigos. Não esqueça de dar po crédito aos autores. É só clicar.

http://oficinadegerencia2.blogspot.com/

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

15 de dez de 2007

Mundo Corporativo - Gerenciamento de Carreira.


Estamos estreando uma nova seção do Blog. Vamos chama-la de "Mundo Corporativo" porque na verdade são áudios, tipo "podcast", extraídos do programa de mesmo nome que a Rádio CBN transmite aos sábados e domingos pela manhã quando o jornalista Herodoto Barbeiro entrevista consultores, empresários e personagens do universo empresarial. São ótimas entrevistas cheias de informação e de orientações sérias sobre os mais diversos assuntos do mundo da administração. Material de alta qualidade. Acho instrutivo que os visitantes da "Oficina de Gerência" tenham acesso a esta informação.


As empresas no mundo todo, inclusive no Brasil, têm no quadro de funcionários executivos cada vez mais jovens, que têm grande disposição para competitividade, mas nem sempre conseguem suportar o estresse e a pressão

Nesta primeira entrevista o tema é "Planejamento de Carreira". Recomendo que todos a ouçam pois traz dicas muito interessantes sobre a escolha de carreiras nas vidas dos profissionais desde que ainda estão nas universidades.

O entrevistado é Paulo Ancona Lopes, consultor de empresas apresentado logo no início da entrevista. O tempo do áudio é de pouco mais que 18 minutos. Como não tem imagem a sugestão é ligar o play e ficar ouvindo enquanto navega no blog ou no seu micro. É só clicar no play.

Bom proveito...



---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A Batalha da CPMF Pelo Prisma da Administração.

O episódio da “Batalha da CPMF” travada pelo Governo do Presidente Lula com os Senadores é um “case” que merece ser estudado à luz dos princípios da alta gerência.

Imaginemos o seguinte cenário:
................................................................................................................................................................................
"Um grupo empresarial que chamaremos de GOV LTDA. precisa renovar o contrato que tem com outra empresa que chamaremos CONG & CIA. Este contrato é de capital importância para o crescimento do GOV. Sem ele a empresa perderá mais de 20 bilhões de dólares das suas receitas, já incluídas no orçamento para 2008. Imaginem o custo desta perda se ela ocorrer.


Há um detalhe importante. A CONG é uma holding composta de duas corporações bem diferentes. De um lado o grupo da CAM S/A, que opera no varejo e é cliente especial do GOV. Tem um número muito grande de acionistas que vivem brigando entre si, mas o GOV tem a maioria como aliada de sua política empresarial. De outro lado o grupo do SEN S/A, que é bem mais antigo e composto de menos integrantes no seu grupo de acionistas. São experientes e muito poderosos nos seus negócios. São extremamente vaidosos e já vem dificultando as coisas para a GOV já de algum tempo.


Prevê-se um grau de dificuldades muito grande na aprovação por parte da SEN S/A porque entre seus acionistas há um número expressivo que é contra a renovação do contrato da CPMF. Não gostam do estilo gerencial do presidente do GOV. Ele não lhes dá a importância que eles acham que são merecedores.


O presidente da GOV LTDA. é um empresário vitorioso e muito poderoso. Não está acostumado a ser contrariado nas suas diretrizes. Fala grosso e ameaça. Determinou a seus diretores, encarregados da negociação, que não façam concessões a nenhuma das duas corporações da CONG. Quer o contrato da CPMF renovado da forma que ele idealizou e não tem conversa. O contrato tem prazo fatal para se encerrar em 31 de dezembro e restam poucos dias para se resolver tudo.
Ficou muito tempo sendo analisado pela CAM S/A. Ali, a GOV tem muitos simpatizantes e consegue aprovar o que quer e como quer.
O contrato é aprovado, mas o GOV perdeu um tempo precioso ou o fez propositadamente? Terá sido uma tática para não dar muito prazo ao pessoal da SEN e assim exercer uma pressão pelo fator tempo?

Para negociar com os acionistas da SEN S/A o pessoal da GOV traçou uma estratégia que depende muito das influências que os presidentes das companhias conhecidas como ESTADOS LTDA. sempre exerceram sobre os acionistas do grupo SEN S/A. O presidente da GOV acha que não terá problemas para aprovar a renovação do contrato da CPMF entre os acionistas do SEN porque os presidentes do grupo ESTADOS são clientes preferenciais da GOV e diretamente beneficiários do produto CPMF. Eles têm todo interesse em que o contrato seja renovado rapidamente. A tática é colocada em ação e os representantes da ESTADOS S/A farão com que a SEN entenda o problema e aprove o contrato apesar da oposição de uns poucos que estão esbravejando. Sempre foi assim. Porque agora seria diferente?


Vamos seguir com o cenário. Depois de negociações extremamente tensas e com todos os tipos de voltas e reviravoltas a renovação está por um fio. O presidente do grupo GOV tenta a última cartada, no undécimo minuto, aceitando tudo que a SEN S/A estava exigindo e que antes ele mesmo negara. Não há mais tempo. As pontes foram queimadas, tudo dá errado e o contrato não é renovado. Perda total."

........................................................................................................................................................................................


O que aconteceu? Onde foi que errou o presidente da GOV? Porque não refez sua estratégia a tempo? Por que praticou a "marcha da insensatez". Por que tantos erros?

Há um fascinante conjunto de fatores que podem ser analisados, confrontados, debatidos e, principalmente, aprendidos com este “case” da CPMF.


No dia-a-dia das corporações este cenário é muito mais comum do que se imagina. É, meramente, uma questão de escala. Decisões erradas, estratégias equivocadas, surtos de arrogância ocorrem tanto na alta direção quanto nos departamentos e estruturas de terceiro escalão. Acontece até nas nossas vidas pessoais.

Acredito que o ponto chave dos erros cometidos pelo presidente da GOV foi o de adotar uma estratégia confiante demais. Foi arrogante na pretensão de não negociar. Cometeu o erro que é o mais destacado por Sun Tzu, na "Arte da Guerra": subestimar as forças do oponente. Foi derrotado e pior, colocado em constrangimento ao propor, no último minuto e sem sucesso, condições que ele mesmo recusara, demonstrando a fragilidade de sua aparementemente convicta posição. Um blefe que foi pago e descoberto.


Deixo para os visitantes da Oficina de Gerência a proposta para que o caso seja estudado e discutido sob esse prisma. Sem o envolvimento das questões políticas.

O que você faria se fosse o presidente do grupo GOV Ltda.?
Se conseguirem fazer isto vão aprender muito.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

14 de dez de 2007

Terry Tate

"Terry Tate" é um dos personagens mais conhecidos da internet. O vídeo - legendado - é encontrado em inúmeros sites na busca do Google. É uma paródia daquelas empresas que buscam a produtividade a qualquer custo e para tanto não respeitam os empregados. É muito engraçado e bem bolado.

Hesitei em coloca-lono blog porque é muito conhecido, mas confio que o Oficina é muito visitado por jovens administradores que merecem conhecer o Terry Tate. Vamos a ele.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

12 de dez de 2007

Conheça a História - Churchill






Clique no link abaixo para conhecer um pouco mais da biografia de Sir Winston Churchill:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Winston_Churchill

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

10 de dez de 2007

Conheça a História - Martin Luther King


Mais uma seção está sendo criada no Blog. Vou chama-la de "Conheça a História".

Parto do princípio de que há um enorme desconhecimento da história por parte dos jovens estudantes, dos recém saídos das universidades - as pesquisas e os exames nacionais e internacionais estão demonstrando isto à farta - e até de profissionais já experientes. Por conta disso estarei colocando, regularmente, vídeos da coleção "O Minuto do Século" que foi produzida pela Revista Caras e distribuída há alguns anos.

Alguns dos títulos que colocarei no Blog: 1a. Guerra Mundial, John Kennedy, Batalha da Inglaterra, Ghandi, Winston Churchill, Princesa Diana.

Fiz questão de iniciar a série com o vídeo de Martin Luther King.




Clique no link para saber um pouco mais sobre o Dr. Martin Luther King:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Martin_Luther_King

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

9 de dez de 2007

Manual de Etiqueta do Planeta Sustentável

"Ecologia deixou de ser um assunto restrito a entusiastas e cientistas. O tema, muitas vezes visto como árduo no passado, agora ocupa as manchetes de jornais e, até, as colunas sociais.

O que era chato ficou chique. Empresas, mídia, governos, bancos, astros de Hollywood e do Brasil passaram a discutir – com urgência – como fazer para salvar o homem do aquecimento global e melhorar a qualidade de vida na Terra. A noção de sustentabilidade – desenvolvimento que não compromete o futuro – começa a ganhar as ruas.

O movimento Planeta Sustentável faz parte dessa corrente que pretende amenizar nosso impacto sobre o ambiente e tornar a convivência social cada vez mais civilizada.

Este manual quer provar como é possível promover pequenos gestos que conduzirão a grandes mudanças se forem adotados por todos nós. Um bom começo é praticar os “três erres”: reduzir, reutilizar e reciclar. As dicas e informações que você vai ler aqui podem ser aplicadas no dia-a-dia agora mesmo, em sua própria casa, no trabalho, circulando pelas ruas e em sua vida pessoal.

A luta pela sustentabilidade será vencida em diversas frentes – que vão da tecnologia à política. Mas em todas elas será preciso a mudança de hábitos pessoais. Veja como começar a modificar os seus. É preciso fazer algo. E devemos fazer já."


O texto acima faz parte da introdução do "Manual de Etiqueta do Planeta Sustentável" que a Editora Abril, com apoio de outras grandes empresas está distribuindo aos seus assinantes e ao público em geral.

O link abaixo remete ao site do programa, diretamente no manual. Sugiro aos visitantes do blog que entrem nessa corrente e participem deste movimento para melhorar a vida do planeta. Copiem, divulguem e circulem esta mensagem. Vale a pena e a gente se sente bem melhor.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Negócio mal feito...

Para quebrar um pouco a seriedade dos temas aqui tratados resolvi colocar esta charge para ilustrar os resultados de um negócio mal feito. No mundo das corporações são muitas as negociações que terminam dessa forma.




-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Julgamento precipitado.

Leio nos jornais de hoje que o delegado encarregado do caso da nadadora Rebeca Gusmão, após interroga-la, disse haver se precipitado (leia-se errado de forma fragorosa) ao inculpar a atleta sem antes ouvi-la.

Isto nos remete a um dos principais problemas das corporações qual seja o da injustiça gerencial. Quem ainda não presenciou ou ouviu falar de casos semelhantes? Alguém, aparentemente, comete uma falha e o chefe imediato ou até mesmo os colegas o responsabiliza de pronto.

Nada pior para envenenar o ambiente de trabalho do que uma chefia precipitada nos seus julgamentos. É desnecessário descrever os malefícios que uma circunstância destas ocasiona.

Pois foi assim que procedeu o delegado do caso Rebeca. Precipitou-se, ao aponta-la como culpada sem sequer ouvir a atleta; depois teve que voltar atrás e reconhecer que havia errado. Alguém poderá dizer que ele teve a hombridade de reconhecer o erro, mas isto não está correto. A falha original foi dele, como autoridade, ao se precipitar sem ter todos os elementos básicos na mão, para emitir seu juízo. Não há desculpas para esse tipo de atitude por quem tem a responsabilidade de comandar.

Assim acontece - da mesma forma - com aqueles que não sabem interagir com suas funções de gerente. São os anões do mundo corporativo. Esta é uma das grandes diferenças entre o gerente, o chefe e o líder.
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Vamos rir? Aprenda a se esconder do chefe...

Este vídeo é de uma publiciade do FedEx, mas traz imagens muito engraçadas sobre a camulflagem - muito utilizada no ambiente das empresas - para se esconder daquele chefe chato e autoritário. É divertido e traz mensagens.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

4 de dez de 2007

Como conduzir uma sessão criativa e bem sucedida de "brainstorming"?

O "brainstorming" é parte essencial do processo de pensamento de um negócio ou nova idéia em toda e qualquer organização.

Quando adequadamente executado, pode conduzir a uma dinâmica e valiosa troca de idéias e iniciativas. Porém, quando mal conduzido, pode promover ressentimento, tensão interna e ser contra-produtivo.

Todos os participantes em uma sessão de "brainstorming" precisam recordar, sempre, de que nada do que é discutido ou criticado nestas reuniões tem caráter pessoal - é estritamente um negócio!

A seguir destacamos algumas dicas de como conduzir uma sessão, ao mesmo tempo criativa e bem-sucedida, de "brainstorming":


  1. Estabeleça o papel do líder este deve agir como facilitador, monitorando o fluxo das idéias e, principalmente, assegurando que todos tenham a possibilidade de falar, que não hajam interrupções e que a discussão permaneça no foco pré-determinado.
  2. O líder deve incentivar o desafio e o debate entre os participantes, o que torna a sessão muito produtiva.
  3. A hostilidade não é saudável e deve ser evitada, a todo e qualquer custo.
  4. Defina a tarefa e mantenha o controle na sua mão todos os membros do grupo devem claramente compreender qual é o objetivo final do negócio em questão.
  5. Antes que as soluções sejam sugeridas, os fatos disponíveis, bem como os desafios, devem ser revistos e discutidos.
  6. Indique o objetivo da sessão de "brainstorming" o caminho da sessão de "brainstorming" precisa estar totalmente desobstruído. A finalidade é gerar idéias, inicialmente, sem consideração para o seu mérito.
  7. Crie uma atmosfera positiva os participantes devem se sentir livres para favorecer que a comunicação seja aberta e honesta. A seleção de um ambiente neutro se faz necessária. Encontre uma sala onde os membros da equipe possam sair de seus territórios, abasteça os envolvidos com água e/ou sucos e comece a trabalhar.
  8. Grave as idéias um "flipchart" permite aos membros do grupo a visualização das idéias e discussão sobre àquelas que mais lhe interessam. Circule as notas, para permitir que todos participem ativamente no processo de pensamento criativo Incentive o fluxo das idéias não deve haver nenhuma avaliação precipitada no processo de "brainstorming".
  9. Os membros não devem procurar imediatamente "a idéia". O objetivo da equipe é a geração de várias idéias. A solução vai surgir, quase sempre, da conjunção dessas várias idéias.
  10. Monitore com cuidado uma comunicação verbal e não-verbal escute todos os membros do grupo. Também, preste muita atenção para as comunicações não-verbais. Isto vai significar, mais do que as palavras, como os membros se sentem em relação ao progresso do grupo.
  11. Selecione a melhor idéia - sumarize periodicamente o progresso do grupo. Se o entusiasmo apresentado for para baixo, reveja as idéias.
  12. Focalize a discussão, primeiramente, nos atributos positivos de cada idéia. Somente então focalize nos aspectos negativos. Com um processo de eliminação, identifique as melhores idéias e então faça a seleção final.
  13. Escolha uma idéia que se encontre inteiramente alinhada com o objetivo da tarefa e que todos os membros da equipe estejam dispostos a apoiar.
  14. Encaminhe este e-mail para sua rede de amigos para que eles também tenham acesso ao teste de Q.E. - Quociente Empreendedor.

Comentário: Este artigo é uma adaptação de um antigo texto que retirei do site da Catho. Desconheço o autor. Já testei este roteiro inúmeras vezes e não tem como dar errado. O único ponto que pode frustrar os resultados é uma má escolha do moderador.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

1 de dez de 2007

Nesta empresa eu não trabalho... (parte1)

Certamente você vai fugir do emprego em num escritório como este. E olha que tem muitos espalhados por ai. Você está em algum deles?

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Rocha Maia, apenas um artista...


.
O blog presta uma homenagem ao Professor Rocha Maia (comentarista e colaborador do Oficina de Gerência), como artista dedicado que é, recebendo mais uma premiação. As fotos são do dia da entrega do prêmio de 1°- Lugar, do Salão Marinhas /Brasília, ocasião em que o quadro "Bem-vindo seu Cabral, dois meses depois do carnaval" pode ser visto pelos convidados presentes ao evento. O quadro faz parte da série do artista intitulada "'Minha viagem a Portugal!"
.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Blogs que me encantam!


..saia justa......† Trilha do Medo ♪....Blogueiros na Web - Ensinando o Sucesso no Blogger e Wordpress!..Emprego Virtual..Blog Ebooks Grátis....http://3.bp.blogspot.com/_vsVXJhAtvc8/ShLcueg5n2I/AAAAAAAACqo/sOQqVTcnVrc/S1600-R/blog.jpg..http://lh6.ggpht.com/_vc1VEWPuSmU/TN8mZZDF9tI/AAAAAAAAIJY/GWQU-iIvToI/banner-1.jpg....Divulgar textos | Publicar artigo....tirinhas do Zé........

Estatística deste blog: Comentários em Postagens Widget by Mundo Blogger

Safernet



FinderFox

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin