30 de nov de 2008

Fidel Castro e Che Guevara fugiram para Sierra Maestra após fracasso de ataques do MR-26 (1956). Dois anos depois tomariam o poder em Cuba

Jornal do Brasil: Movimento Revolucionário 26 de Julho ataca quartéis cubanos

Pelo menos 18 pessoas foram mortas durante ataques de guerrilheiros do Movimiento Revolucionário 26 de Julio (MR-26) contra unidades do governo cubano. As principais ações dos rebeldes foram realizadas na cidade de Santiago de Cuba. Grupos de seis a oito civis vestidos com uniformes verde-oliva e braçadeiras com a inscrição MR-26, abriram as portas da prisão de Puerto Biniato e libertaram cerca de 200 detentos. Além de atacar os quartéis da polícia nacional e da polícia marítima, os guerrilheiros levaram armas e munição da unidade do Exército em Holguin. 

Essa foi a terceira ofensiva revolucionária realizada naquela ano. Um dos líderes da guerrilha, o advogado exilado no México, Fidel Castro, disse que 1956 era um ano decisivo para concretização de sua promessa de "conseguir a liberdade de Cuba ou morrer em sua tentativa". Raul Castro, irmão de Fidel, e o médico argentino Ernesto "Che" Guevara organizaram o Movimiento 26 de Julio, com o objetivo de voltar a Cuba a derrubar o ditador Fulgêncio Batista, que era apoiado pelos EUA.

Dois dias depois, de madrugada, o iate Granma de 12 metros vindo do México com 82 homens armados, mantimentos e medicamentos, encalhou afastado da praia, em Coloradas, na Província do Oriente. Para chegar em terra firme, o grupo teve de nadar sob disparos das tropas do governo, que estavam em uma lancha da patrulha costeira cubana. Do total, apenas 22 homens sobreviveram e o carregamento foi perdido. 

As ações de Santiago de Cuba e Coloradas fracassaram. Fidel, Raul, "Che" e mais alguns rebeldes conseguiram chegar a Sierra Maestra, de onde passaram a organizar os camponeses para a luta armada. Em outubro de 1958 teve início a Marcha sobre Havana, até que em janeiro de 1959, a revolução foi vitoriosa. 

Base da guerrilha em Sierra Maestra 

Um mês depois, de instalar a base da guerrilha em Sierra Maestra, os rebeldes tomaram o pequeno quartel de La Plata. A ação serviu para desmentir as versões divulgadas pelo ditador Fulgencio Batista de que os revolucionários tinham sido exterminados. 

Por iniciativa de Ernesto Che Guevara, criou-se em plena selva um sistema rudimentar para a produção de pão e charque para alimentar as tropas, artigos de couro para os soldados, e inclusive uma pequena imprensa com um mimeógrafo antigo de onde eram editados manifestos da guerrilha e até um pequeno jornal. 
**********************************************************

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blogs que me encantam!


..saia justa......† Trilha do Medo ♪....Blogueiros na Web - Ensinando o Sucesso no Blogger e Wordpress!..Emprego Virtual..Blog Ebooks Grátis....http://3.bp.blogspot.com/_vsVXJhAtvc8/ShLcueg5n2I/AAAAAAAACqo/sOQqVTcnVrc/S1600-R/blog.jpg..http://lh6.ggpht.com/_vc1VEWPuSmU/TN8mZZDF9tI/AAAAAAAAIJY/GWQU-iIvToI/banner-1.jpg....Divulgar textos | Publicar artigo....tirinhas do Zé........

Estatística deste blog: Comentários em Postagens Widget by Mundo Blogger

Safernet



FinderFox

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin