21 DE JULHO DE 2024 - DOMINGO - DIA DA APROXIMAÇÃO DE PI


O Dia da Aproximação de Pi comemora-se no dia 22 de julho. Isso porque 22/7 é uma fração que representa Pi, escolhendo-se o dia 22 de julho para se celebrar esta constante matemática. A data numérica do dia (22/7) é igual a 3,14285714, o que é uma boa aproximação para Pi com duas casas decimais (3,14159). Assim, este dia é celebrado como a abordagem mais próxima de Pi do ano. Consoante a convenção adotada, o Dia de Aproximação de Pi também se pode comemorar a: 26 de abril (dia em que a Terra completa dois radianos de sua órbita); 10 de novembro (314º dia do ano); 21 de dezembro (355º dia do ano à hora 1:13, 355/113 - aproximação chinesa). O que é o Número Pi? Número Pi Número Pi é uma sequência infinita de dígitos. Seu valor é 3,14159265358979323846… Nos cálculos matemáticos em que é usado, o número é abreviado para 3,1416, ou 3,14. Trata-se da constante matemática mais antiga de que se tem conhecimento e que continua a ser estudada. Pi é objeto de estudo há mais de 2 000 anos. Além do Dia da Aproximação do Pi, também se celebra anualmente o Dia do Pi a 14 de março.

Bem vindo

Bem vindo

FRASE DO DIA

FRASE DO DIA

FRASE COM AUTOR

FRASE COM AUTOR

sábado, 9 de outubro de 2010

Google se mexe e lança nova ferramenta para melhorar as buscas.

O pessoal do Google não brinca em serviço. 
Não é de graça que a empresa ocupa o espaço privilegiado que é exemplo corporativo para todo o mundo dos negócios.
Agora eles lançaram uma ferramenta que vai facilitar mais ainda as buscas no "oráculo". Chamaram de " Google Instant". A novidade é que ao iniciar uma busca qualquer as letras que o internauta vai clicando na caixinha vão formando as palavras possíveis do assunto procurado. Depois é só clicar que o link aparece imediatamente.
Eu gostei muito. Ficou mais fácil encontrar o que a gente procura.
Reproduzi abaixo uma matéria da BBC Brasil que vi no widget colocado na aba lateral do blog. Conheçam e comecem a usar.

Google lança ferramenta que mostra resultados enquanto usuário digita.


Marissa Mayer apresenta o Google Instant em São FranciscoGoogle Instant economiza até 5 segundos em cada busca
O Google agilizou sua ferramenta de busca ao lançar nesta quarta-feira um novo produto, o Clique Google Instant, que mostra os resultados enquanto o usuário digita o que procura. O mecanismo promete economizar de dois a cinco segundos em cada busca.
Anteriormente, os resultados da busca só apareciam após apertar a tecla "Enter" ou clicar em "Busca". A nova ferramenta também "prevê" o que se está buscando com mais precisão do que ocorria antes.

"Essa é uma busca na velocidade do pensamento", afirmou Marissa Mayer, vice-presidente do Google para ferramentas de busca, durante a apresentação do produto no Museu de Arte Moderna de São Francisco.

Durante a demonstração, ela digitou a letra "w" e uma lista de links sobre o tempo (weather, em inglês) apareceu na tela, juntamente com imagens mostrando a temperatura. "Estamos adivinhando qual o termo é provável que você esteja procurando e oferecendo resultados para essa busca."

O Google calcula que um usuário comum gaste nove segundos digitando o que pretende procurar e outros 15 segundos olhando para os resultados encontrados.

O Google Instant já está disponível para as versões do buscador dos Estados Unidos, Grã-Bretanha, França, Alemanha, Itália, Espanha e Rússia para quem usa os navegadores Chrome 5 ou 6, Firefox 3, Safari 5 para Mac e Explorer 8. A ferramenta para as outras versões será lançada nos próximos meses.

A empresa informou que usuários de domínios que não sejam o Google.com podem acessar a nova ferramenta apenas se eles estiverem conectados em sua conta do Google.

'Desafio para Microsoft'
Para Harry McCracken, do blog Technologizer.com, o Google está apostando todas as fichas na crença de que velocidade é tudo.

"Economizar alguns segundos não é lá essas coisas. Uma das minhas primeiras impressões é a de que verei resultados que não quero até eu digitar o suficiente para que ele saiba o que eu quero exatamente", afirmou McCracken em entrevista à BBC.

O especialista em tecnologia Robert Scoble afirmou que o Google Instant traz um grande desafio para a Microsoft e seu buscador, o Bing.

"A ferramente muda dramaticamente a maneira como eu faço minhas buscas. Acredito que é um grande salto, que acaba deixando o Bing bem menos interessante e obriga a Microsoft a agir."
  •  
 Abaixo um vídeo  do Google com explicações sobre a nova ferramenta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Convido você, caro leitor, a se manifestar sobre os assuntos postados na Oficina de Gerência. Sua participação me incentiva e provoca. Obrigado.