15 de ago de 2009

Editorial da Oficina de Gerencia

[titulo_apresentacao000.gif]Deixei o texto abaixo por alguns dias na barra lateral e agora resolvi "transportá-lo" para a área dos posts para permitir os comentários, dos visitantes pois recebi alguns e-mails de leitores fazendo referencias a ele.

Na verdade o "editorial" (desculpem a pretensão) foi motivado por um post que li em um blog de grande frequencia (prefiro não identifica-lo) que vez por outra - e não é o unico - faz comentários e campanhas pesadas contra as reproduções (cópias) de posts ou material produzido por blogs e sites na internet. E não é só este blog/site que o faz. São muitos.

Irritou-me o "tom" do que estava escrito no post. O autor do texto referia-se aos alvos do seu post como “parasitas”, “plagiadores” e termos semelhantes; e como não era a primeira vez que aquele blog (frequentado por mim) assim se portava considerei que deveria posicionar-me. Afinal de contas faço parte da blogosfera; reproduzo e copio muitos posts e imagens que gosto e encontro em blogs e sites. Sou um blogueiro comum...

http://2.bp.blogspot.com/_8f2zFLoxYlw/SYIw_Wgg3UI/AAAAAAAAADI/ZrIJoZQq2Lg/s400/Justi%C3%A7a%2Bcega.JPG


ATENÇÃO! Nem de longe defendo o plágio. Muito menos a cópia de uma criação original produzida por quem quer que seja – sem citação de autoria. Nos blogs, na internet ou em qualquer outra esfera do conhecimento humano não é uma posição que se justifique. Entendo plágio como o roubo de uma idéia ou criação original que é publicada com a assinatura de outrem que não tenha sido seu autor.

Na minha percepção, entretanto, os blogueiros que atacam outros, chamados por eles de plagiadores, por sua vez possuem seus blogs cheios de artigos pseudo-originais ou repleto de imagens copiadas do Google, Flick ou outros sites similares. Defendem a "sua" originalidade e lançam impropérios contra os outros que os copiam. Por esta e outras tenho opinião diversa daquelas que estes "justiceiros" defendem com tanta ira.

Primeiramente posiciono-me sobre uma plataforma que identifico claramente no mundo da internet onde a originalidade é um artigo rarissimo. Em segundo lugar verifico que todos os "donos" de sites e blogs - salvo as exceções que confirmam a regra - copiam-se entre si (autorizados ou não). Alguns até praticam plágios de idéias e temas (disfarçadas, claro) e reproduzem textos que não resistem à mais expedita e leve pesquisa para descobrir-lhes o berço das idéias e dos “seus pensamentos originais”.


O que vejo, com frequencia, nestes blogs tão ciosos com a originalidade são "produtos" desfigurados - refinados ou não - copiados, decalcados, plagiados, propagados e reproduzidos de outros centros de inteligência.

Portanto, não me venham estes "profetas do apocalipse" dar lições de moral na blogosfera. Traduzo por uma frase simples:
  • A internet não é um centro de originalidades e estrutura-se, sim, de muitas cópias e plágios. É a realidade da rede. É a realidade de nosso mundo e da humanidade. Afinal são os humanos que faze a internet. Estarei errado?
Por favor, quem estiver interessado no assunto leia o "Editorial" abaixo. É a minha posição como simples blogueiro e "produtor" do Oficina de Gerencia. E mais, não estou minimamente preocupado em fazer proselitismo seja a favor das cópias seja contra os vociferantes blogueiros que se acham “donos da originalidade” na blogosfera. Nada disto! Apenas coloco minha opinião com todo o respeito pelo contraditório, pois é assim que acredito e frequento a internet. Quando assim não for mais, peço meu boné e vou procurar outra turma.


8 comentários:

  1. Olá Herbert
    Na tarde do sábado, procurava eu uma imagem no São-Google quando me deparei com o teu magnífico blog. Mas, por incrível que pareça, foi este editorial que me chamou a atenção. Lí por inteiro e como tuas palavras expressaram exatamente o meu pensamento a respeito do assunto, tratei de seguir o blog para não perdê-lo de vista pois estava de saída para um compromisso e voltaria aqui para ler outros assuntos e outras idéias. Por mais que eu queira, jamais consiguiria me expressar tão fielmente quanto as tuas palavras neste texto. Você falou por mim, melhor do que eu mesma o faria! Estou de alma lavada!
    Coloquei um link em outro blog pois acho que a blogosfera merece ler o que você escreve e o que escolhe para divulgar aqui.Obrigada por isso! Voltarei sempre!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Correção:conseguiria...desculpe-me!

    ResponderExcluir
  3. Herbert, brother amigo.
    Você tocou em um tema muito polêmico e vou tentar não me alongar nos comentários.
    Olha só, tudo isso que você escreveu faz todo o sentido, ou seja, é mais do que real.
    A questão está no fato de haver várias blogosferas dentro da mesma, sendo a pior de todas elas, a tal 'umbigosfera' e ela é composta por uma turminha que tem frustração por não ser jornalista, mas acordam diariamente, olham no espelho e juram para si mesmo, que são. São uns doentes e disso não tenho dúvida.
    Os caras que você citou, e devo saber quem são, acham, acreditam mesmo, que são donos da rede e há um até que tentou lançar uma campanha, onde ele seria o candidato a 'presidente da blogosfera', na verdade ele desistiu, mas se tivesse ido à frente, certamente seria o 'lula da umbigosfera'. É um débil.
    Isso de copiar/colar é feito em 100% dos blogs, inclusive nos meus e no seu, e a questão nem deveria ser motivo de post algum, pois isso é a regra do segmento. A imprensa, os portais grandes, os jornais de todo o mundo, todos republicam as notícias, pois isso é o que conduz a coisa.
    Os patológicos copiam mas acham que podem criar regras no estilo 'não faça o que eu faço, somente eu posso copiar e colar, você não', são uns idiotas.
    Essas pessoas são doentes e precisam de ajuda, são do tipo que compram 'aifone' e têm o prazer de dizer que levou o celular para postar nas férias, na praia etc. São loucos e até matariam a mãe a pauladas, se isso os fizesse ganhar cliques para os seus adsenses.
    A blogosfera faz parte da internet, é subordinada à ela e não superior, e tudo o que lá está, pertence ao público e não a ninguém. Se o cara tem texto próprio, registre isso e pronto. Quem copia sem citar a fonte, tentando convencer o leitor de que a ideia é dele, é um débil mental que precisa de tratamento ou precisa encontrar um emprego, pois está muito longe de ser jornalista.
    Seu texto, como sempre, estupendo, mas apenas as pessoas com crânio perfeito conseguirão decifrar o que você quis dizer, afinal.
    Eu copio e cito a fonte, mas se ver um texto meu em outro blog, não vou desejar que o trem passe sobre a cabeça do analfa. Isso é comum e mostra que alguém, ainda que um acéfalo, gostou do que você criou, (ou copiou).
    E como disse a colega Vera, nem pensar esquecer de vir aqui, pois continuar aprendendo é tudo que a humanidade tem de fazer.
    Amplexos tricolores ao meu amigo de coração.

    Nota: Estou preparando um post com o tema "umbigosfera" e serei obrigado a citar este seu artigo, salvo se me proibir, com um singelo pedido. rsss

    ResponderExcluir
  4. Vera,
    Brigaduuu!
    São os comentários como o teu que me fazem amar o mundo dos blogs.
    É um grande prazer ter-te como acompanhante da Oficina de Gerencia.
    Volte sempre. É um orgulho ver-te comentar aqui.

    ResponderExcluir
  5. Querido Brother Gato Guga,

    Mais uma vez você dá show nos comentários e manda as energias tricolores (lá do Arruda) para o teu amigo e fã.
    Vou reproduzir os dois comentários (o teu e o da Vera) no espaço dos posts. Acho importante divulgar opiniões inteligentes a respeito deste tema que, como dissestes, é polemico.
    Sobre aproveitar o texto (este e quaisquer outros) já te disse antes: a Oficina de Gerencia é um blog que te pertence. Faça dele o que fazes com o My Blog Series.

    ResponderExcluir
  6. Lavaram a minha alma! Cheguei aqui pelo Blogpaedia no Twitter, que linkou o Blog Links e Links, que por sua vez linkou o seu blog... Que maravilha encontrarmos pessoas como vocês. Concordo em genero, nº e grau, com você e com os comentários. Parabéns, voltarei sempre!

    ResponderExcluir
  7. Registro o comentário muito gentil que a Isabelle Pacheco dos blogs Pigmeus do Bulevar e Artesania e Artefato escreveu em um outro post.
    ------------------------------------------------
    Isabelle Pacheco disse...

    Lavaram a minha alma! Cheguei aqui pelo Blogpaedia no Twitter, que linkou o Blog Links e Links, que por sua vez linkou o seu blog... Que maravilha encontrarmos pessoas como vocês. Concordo em genero, nº e grau, com você e com os comentários. Parabéns, voltarei sempre!
    06/10/09 17:52
    ------------------------------------------------
    Isabelle,
    Te agradeço a visita, o comentario e a energia que você me dedicou com tuas palavras. Espero que volte mesmo. Ah! Minha gratidão, também, por ter se inscrito na lista dos meus (per) seguidores.
    Até Breve.

    ResponderExcluir
  8. aldo de sousa filho02/12/2010 08:26

    Herbert Drummond, excelente a qualidade do blog. Um grande abraço, estarei sempre por aqui. Aldo de Sousa Filho

    ResponderExcluir

Blogs que me encantam!


..saia justa......† Trilha do Medo ♪....Blogueiros na Web - Ensinando o Sucesso no Blogger e Wordpress!..Emprego Virtual..Blog Ebooks Grátis....http://3.bp.blogspot.com/_vsVXJhAtvc8/ShLcueg5n2I/AAAAAAAACqo/sOQqVTcnVrc/S1600-R/blog.jpg..http://lh6.ggpht.com/_vc1VEWPuSmU/TN8mZZDF9tI/AAAAAAAAIJY/GWQU-iIvToI/banner-1.jpg....Divulgar textos | Publicar artigo....tirinhas do Zé........

Estatística deste blog: Comentários em Postagens Widget by Mundo Blogger

Safernet



FinderFox

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin