21 de jun de 2009

Critérios, cada qual tem o seu...


Já pensou como você determina seus critérios para tudo que faz e pensa. Vivemos de acordo com nossos critérios e os de outras pessoas também. No universo das corporações, a rigor, vivemos de acordo com os critérios delas ou dos seus comandantes. Ou você pensa que acordar cedo e chegar ao trabalho às 8h00 é por conta do seu critério?

Aposto que não havia pensado nisso, dessa forma. Diga a verdade! Estamos cercados de critérios porque vivemos seguindo nossas escolhas e não se aponta, assinala-se, fazem-se considerações, determinam-se coisas, estipulam-se limites, fixam-se metas ou prescrevem-se ordens sem que existam os critérios.

O critério ou sua escolha, na verdade, indica quem está no comando central. Quem é numero um. Imagine um juiz que não tenha critérios para julgar e consequentemente exarar suas sentenças. Qualquer profissional terá que desenvolver critérios sobre várias coisas que façam parte de sua vida para ter respeitabilidade sobre o que está afeto à sua responsabilidade.

Sem critérios o mundo vira o caos. Olha só! Alguém havia pensado assim? Valorizando tanto a figura do critério? Por isto, meus caros, não subestimem a necessidade de cada um ter o seu naipe de critérios para viver. Há que se refletir, treinar e testar. Quem não consegue estabelecer critérios com clareza e transparência certamente viverá sob outros juizos.

E chega de falar sério, afinal de contas o post foi pensado para apresentar uma piada. Divirtam-se com ela, por favor, e esqueçam (se puderem) que o critério é uma das ferramentas que move o mundo.



http://3.bp.blogspot.com/_HY82laAMX_w/SOZcp4MbkqI/AAAAAAAAAIw/YU3QE_c0uAo/s400/Sorrisos%5B1%5D.JPG


Durante a visita a um hospital psiquiátrico, um dos visitantes perguntou ao diretor:

- Qual é o critério pelo qual vocês decidem quem precisa ser hospitalizado aqui?

Respondeu o diretor:

- Nós enchemos uma banheira com água e oferecemos ao doente uma colher, um copo e um balde e pedimos que a esvazie.

De acordo com a forma que ele decida realizar a missão, nós decidimos se o hospitalizamos ou não.

- Entendi - disse o visitante - uma pessoa normal usaria o balde, que é maior que o copo e a colher.

- Não - respondeu o diretor - uma pessoa normal tiraria a tampa do ralo. O que o senhor prefere? Quarto particular ou enfermaria?

(Se você escolheu o balde esta piada lhe é dedicada...)

dancing divider

2 comentários:

  1. Oiêeee!!!
    Usando critérios ou não, aprendi com a vida que de normal ninguém tem 100%, graças a Deus!

    Adorei a piadinha e a smile. Lindinha.

    Beijos e obrigada pela visita. Sei que andas com a vida atarefada. Mas fique tranquilo que não é só você. E bonscamaradas nao se equecem.Estarei por aqui sempre que puder.
    Tenha uma excelente semana.


    Beijos doces no coração.

    ResponderExcluir
  2. Grande amiga,

    Oiêeee!

    Brigaduu! Sempre saber saber que os amigos estão à nossa volta.

    ResponderExcluir

Blogs que me encantam!


..saia justa......† Trilha do Medo ♪....Blogueiros na Web - Ensinando o Sucesso no Blogger e Wordpress!..Emprego Virtual..Blog Ebooks Grátis....http://3.bp.blogspot.com/_vsVXJhAtvc8/ShLcueg5n2I/AAAAAAAACqo/sOQqVTcnVrc/S1600-R/blog.jpg..http://lh6.ggpht.com/_vc1VEWPuSmU/TN8mZZDF9tI/AAAAAAAAIJY/GWQU-iIvToI/banner-1.jpg....Divulgar textos | Publicar artigo....tirinhas do Zé........

Estatística deste blog: Comentários em Postagens Widget by Mundo Blogger

Safernet



FinderFox

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin