18 de mar de 2012

Joseph Kony é um assassino de crianças que precisa ser detido (Invisible Children).

(Dada a dramaticidade do assunto tratado nesse post resolvi ilustrá-lo com a famosa obra "O Grito" do artista norueguês   Edvard Munch. Clique sobre a imagem e conheça mais sobre ela.)
Joseph Kony é o líder de uma guerrilha rebelde que se auto-denomina  Lord's Resistance Army (LRA) de Uganda. Esse (falso) líder entre seus múltiplos crimes sequestra crianças forçando-as a entrar no seu "exercito" e obrigando-as a mutilar e assassinar pessoas, entre elas seus próprios pais. As notícias dão conta de mais de 30.000 meninos que já foram sequestrados. Um horror!
Leiam abaixo um trecho do verbete que a Wikipédia dedica a Joseph Kony.