15/10 - DIA DO PROFESSOR

15/10 -  DIA DO PROFESSOR
O Dia dos Professores é comemorado no Brasil anualmente em 15 de outubro. A data foi criada para homenagear esses profissionais que dedicam suas vidas à transmissão do conhecimento e ao desenvolvimento da educação no nosso país. Trata-se de um feriado escolar e não faz parte do calendário oficial como feriado nacional ou ponto facultativo. Portanto, é prerrogativa das escolas não ofertarem aula neste dia. O dia 15 de outubro foi escolhido para comemorar o dia do professor, pois em 15 de outubro de 1827, Dom Pedro I, Imperador do Brasil, decretou uma Lei Imperial responsável pela criação do Ensino Elementar no Brasil (do qual chamou “Escola de Primeiras Letras”), e através deste decreto todas as cidades deveriam ter suas escolas de primeiro grau. A comemoração começou em São Paulo, onde quatro professores tiveram a ideia de organizar um dia de parada para celebrar esta data, e também traçar novos rumos para o próximo ano. Esta data foi oficializada nacionalmente como feriado escolar através do Decreto Federal nº 52.682, de 14 de outubro de 1963. O Decreto define a razão do feriado: "Para comemorar condignamente o Dia dos Professores, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo participar os alunos e as famílias". A nível internacional, o Dia Mundial dos Professores é celebrado anualmente em 5 de outubro.

domingo, agosto 23, 2020

Pergunte ao Max - Não consigo me dar bem com meu chefe...

__________________________________________________________________

"Não consigo me dar bem com meu chefe. Ele é centralizador, dispersivo, desatualizado, retrógrado". (Claudia)
_____________________________________________________________
.
Reflexão: "Apesar disso, continua sendo seu chefe. Independentemente de sua opinião, seu chefe é mais importante para seu futuro na empresa que você para o futuro dele.


Por isso, aqui vão os "10 Mandamentos de Como se Dar Bem com o Chefe":

1. Nunca falar mal do chefe. As orelhas do chefe são do tamanho de todas as paredes e de todos os corredores da empresa.

2. Nunca tentar ofuscar o chefe. Seja na roupa, seja no compor­tamento, seja pelo conhecimento.

3. Jamais colocar a culpa no chefe, principalmente quando a culpa é do chefe.

4. Não assumir responsabilidades que são do chefe. Se não exis­te um subchefe oficial, isso não significa que a função será de quem pegar primeiro.

5. Não tratar o chefe como amigo íntimo na frente de colegas ou de clientes.

6. Não interromper o chefe quando está falando. Não é que não goste de ser interrompido. Detesta.

7. Nunca dizer "chefe, temos um problema". Isso é o que se chama de delegar para cima. O chefe não quer problemas, quer soluções.

8. Jamais perguntar se um trabalho é urgente. Se o chefe em pessoa pediu, então é urgentíssimo.
Clique na imagem

9. Nunca dizer que cometeu um erro porque não entendeu bem o que o chefe havia pedido. Se o chefe fala gótico, o subordi­nado precisa aprender gótico.

1O. Nunca tentar explicar aos colegas alguma coisa que o chefe disse. Chefes não apreciam o subordinado porta-voz. Se al­guém tem dúvida, deve perguntar diretamente ao chefe.

Você tem todo o direito de dirigir sua carreira. Mas lembre-se de que, no elevador da vida profissional, o chefe é o ascensorista.
.
_____________________________________________________________
Este é um texto retirado do livro do Max Gehringer cujo título é "Pergunte ao Max", da Editora Globo. Veja outros posts anteriores clicando aqui, aqui e mais aqui.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário