Segundo dados da Unicef, entre 2016 e 2020, 35 mil crianças e adolescentes de 0 a 19 anos foram mortos de forma violenta no Brasil – uma média de 7 mil por ano. Além disso, de 2017 a 2020, 180 mil sofreram violência sexual – aproximadamente 45 mil por ano.

 

15 DE ABRIL DE 2024 – 2ª FEIRA


FRASE DO DIA

FRASE DO DIA

FRASE COM AUTOR

FRASE COM AUTOR

terça-feira, 31 de outubro de 2023

Vasco está na corda bamba; "mais prá lá, do que prá cá." Mas a fé continua...

 

Estou escrevendo esse post hoje, após empate com o Goiás (1x1), mais em respeito aos vascaínos que visitam o blog e às postagens que estou produzindo para acompanhar essa verdadeira saga do meu/nosso time para escapar da volta à 2ª divisão.

O que deu para ver no jogo com o Goiás? Que o elenco do Vasco embora esteja bem treinado - e a gente vê isso nos jogos com o grupo buscando as vitórias - não tem jogadores de talento para definir as partidas numa decisão; só o Vegetti não é suficiente.

A situação não mudou. Eu diria até que piorou. O Goiás era um dos 4 times que o Vasco tinha obrigação de vencer por ser um concorrente direto na disputa para ficar fora da Z-4. Não ganhou e agora terá de vencer - na melhor hipótese - os quatro clubes que estão no mesmo nível técnico do cruzmaltino. Seriam eles: Cuiabá, América-MG, Corinthians e Cruzeiro. 

Se conseguir superar essa campanha acima - coisa que só os vascaínos de fé acreditam -  alcançará 43 pontos e ainda faltarão 3 pontos para chegar aos 46 necessários para não cair. 

Para completar a cota teria de, ou ganhar de um dos "grandes (faria os 46 pontos) ou empatar com 3 deles; como são 8 jogos no total, nesse panorama, poderia perder apenas uma partida. "É muita conta" e muitas suposições não é mesmo?

Agora, quem são aqueles que estou chamando de grandes e ainda faltam jogar com o Vasco: Botafogo, Athletico-PR, Grêmio e Bragantino - que tal?  

Alguém acredita numa campanha dessas com esse elenco que o Vasco tem? Nossa opção é acreditar, acreditar e acreditar. O Ramon Diaz vai tirar sua varinha mágica da mochila e ... abracadabra. Nada é impossível!



Para confirmar meus cenários, coloco abaixo o trecho de uma matéria publicada pelo site "Lance", no dia de ontem (30/10):
  • O Lance! conversou com o matemático Tristão Garcia que revelou a pontuação mágica para o Vasco permanecer na Série A do Campeonato Brasileiro.

    ''- Bastam 46 pontos. Pode escapar com menos, os adversários também têm dificuldades, mas não é garantido. Com 45 pontos não é garantido, mas é provável. Abaixo disso, mais sorte é preciso ter.'' (Clique aqui)

Teremos a primeira montanha para escalar na quinta feira (feriado de Finados) contra o Cuiabá, lá na Arena Pantanal.

Vejam abaixo os jogos que faltam ao Vasco com obrigação de ganhar 4, empatar 3 e perder só um. Montem as suas possibilidades e façam a única coisa que nós, vascaínos, podemos fazer: acreditar em milagres e torcer, sofrer, torcer, sofrer...



Para bem completar o post coloco abaixo a classificação do Brasileirão após a última rodada (30ª):


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Convido você, caro leitor, a se manifestar sobre os assuntos postados na Oficina de Gerência. Sua participação me incentiva e provoca. Obrigado.