2 de nov. de 2019

Liderança, Gerência e Chefia. Quais as diferenças?


Resultado de imagem para planejamento estratégico

Líder ou Gerente, não é a mesma coisa? 

Por Herbert Drummond (autor do blog Oficina de Gerência) 

O Líder é sentido e percebido na forma como o seu time pensa, planeja e executa. Ele inspira ações além do dever. O Gerente é identificado na forma como o grupo se organiza e opera. 

É no mínimo curioso observar dezenas de consultores e especialistas procurando explicar o que é liderança e especular sobre as qualidades (diria que são "superpoderes") inerentes ao líder.
Resultado de imagem para asterix e a poção mágicaA impressão causada é que liderança parece ser aquela névoa misteriosa que a gente vê muito nos filmes de fadas e feiticeiros; ou a poção mágica do druida de Asterix ou ainda aquele pozinho da fada Sininho do Peter Pan que, magicamente são colocados à disposição do personagem principal (líder). Outras vezes fazem-nos pensar que ser líder é algo assim como possuir os talentos do Batman, misturados com as habilidades do Wolverine e do Superman.

Tantas devem ser as “qualidades superpoderosas" de um líder que ao listá-las surge, instantaneamente, na nossa mente um ente de ficção que só pode existir na imaginação mais prolixa dos autores de mitologias. E o gerente? A confusão é quase a mesma. Aliás, é comum listarem-se as mesmas “qualidades” requeridas para um (líder) e para outro (gerente) e ainda outro mais (o chefe).

Liderança, entretanto, não é a mesma coisa que gerência ou chefia. Como tenho muita resistência aos modismos das definições prontas não procurarei descrever as diferenças, mesmo porque seriam apenas definições pessoais e baseadas na minha exclusiva e precária experiência. Vou utilizar a linguagem metafórica para ilustrar que Liderança pode ser vista como uma capa invisível (poderosa e temporária) colocada sobre os ombros do líder, pelos liderados que o escolheram, e que, espera-se, deva ser utilizada sempre em defesa dos valores que o grupo cultiva.

Gerência, por outro lado, é a espada, visível, colocada nas mãos do gerente - não necessariamente escolhido pelos gerenciados – que, espera-se, deva ser usada com destreza para organizar o sistema que o suporta, defendê-lo e conduzi-lo, ordenadamente, pelos caminhos da eficácia e da eficiência.

Chefia, por outro lado, é uma situação ou estado momentâneo, de menor curso e importância, para o qual são - em geral - escolhidos aqueles "aprendizes de gerência" que se apresentam com potencial para o comandamento de ações ou projetos específicos e de maior responsabilidade no futuro. 

Resultado de imagem para lider e gerente diferençaSe procurar na bibliografia disponível vai encontrar, em muitas consultas, que Liderança, Gerencia e Chefia se confundem com comando, direção, governança. Na verdade, as fronteiras entre esses conceitos são difusas. 
  • Quem lidera, gerencia? 
  • Quem gerencia, chefia? 
  • E quem chefia, lidera? 
Tente responder a essas questões. Pare e pense... Quais as respostas certas? Se for afirmativo em todas as perguntas estará certo, se não tiver segurança nas respostas, também estará. Confuso não é mesmo?

Liderança é sempre passageira e situacional porque depende, além da formação técnica, de valores intangíveis como moralidade, honestidade, integridade e senso de justiça. A liderança é de perfil estratégico. Um líder dificilmente terá uma segunda oportunidade se perder a confiança dos liderados. Ele não pode "perder o seu  "Toque de Midas". 

Gerência, por seu turno, é objetiva e prática. Seu perfil é tático. Um gerente está menos subordinado aos valores abstratos. Depende mais do seu conhecimento e da sua expertise no assunto que esteja sob sua responsabilidade.

A Chefia é de perfil operacional; respostas automáticas e de ações imediatistas. É a infantaria da tropa.

Resultado de imagem para chefeUma boa ilustração seria dizer que o líder será capaz de transformar um grupo de músicos em uma orquestra sinfônica. Um gerente conduzirá esta mesma orquestra, depois de formada, mas dificilmente influirá nas suas emoções e na sua criatividade. E nessa orquestra, cada conjunto terá sua chefia (as cordas, os metais, os instrumentos de percussão) e os instrumentos de teclas)

A História Universal está plena de exemplos de grandes líderes como Napoleão Bonaparte, Alexandre Magno (O Grande)Júlio César .

Difícil - por outro lado - achar-se registro de que gerentes façam história no mesmo nível e esta, certamente, é uma grande diferença entre Líder e Gerente. Cito como exemplos históricos de grandes gerentes o Cardeal Richelieu na França de Luis XIII e Oliver Cromwell na Inglaterra puritana do século 17.

É um bom exercício procurar na história antiga e contemporânea exemplos de líderes e gerentes...  Quem sabe até alguns chefes. Por exemplo: Jack Welch é um líder ou um gerente? Quais presidentes da República do Brasil podem ser incluídos no rol de líderes na nossa história?

Postado por Herbert Drummond 

Nenhum comentário:

Postar um comentário