26 de mai de 2013

Você fala o "corporativês"? Não! Então comece logo a aprender.


S
e você não faz parte da geração mais recente dos "habitantes do planeta corporativo"  já deve ter passado por alguma saia justa por não saber traduzir exatamente o que os seus mais jovens interlocutores estão falando numa reunião de trabalho que envolva, por exemplo, planejamento estratégico. 
Outro dia mesmo passei por isso. Não me considero um "dinossauro" nos ambientes corporativos, mas estando em uma mesa de reunião que discutia o mapa estratégico da empresa cheguei a "ficar vendido" com algumas expressões técnicas que os consultores trocavam entre si e com o pessoal (mais jovem) da casa. E tais palavras eram ditas com a maior naturalidade. Linguagem do dia-a-dia... Pensei comigo mesmo... E agora?
Evidentemente que não passei recibo. Afinal o "senior" na mesa era eu! Fiquei na minha e anotei as tais expressões e frases. Fui pesquisar e me deparei com o artigo abaixo publicado no RH Portal. Bingo! Ou melhor, "Goal"! 
Descobri que esse novo idioma, o "corporativês", tem dominado as apresentações e conversas entre os jovens executivos das empresas que estão buscando novos posicionamentos nos respectivos mercados. Está virando lugar comum. Os temas da Gestão e Tecnologia da Informação dominam as cabeças dos CEOs e gestores das empresas mesmo as mais tradicionais. 
Se você está na turma, digamos... desatualizada com os jargões do corporativês leia o artigo abaixo e mesmo assim pesquise mais. Aprenda mais. O planejamento estratégico e a tecnologia da informação (TI) vieram para ficar no universo das corporações de todos os níveis e tipos. 
Depois que a gente conhece como funciona e os exemplos de sucessos nas empresas privadas e da Administração Pública que adotaram a metodologia não dá para ignorar e pensar que é modismo. Funciona mesmo. Quem não buscar se ajustar vai ficar para trás.
Aproveite para testar seu nível de conhecimento desse novo "idioma". Quantas expressões você conhece? Quais você considera mais aplicáveis ao seu trabalho?

Recursos Humanos e RH. Tudo para gestão de pessoas em um so lugar: Cargos e Salários, Coaching, Carreira, etc

Está Boiando Nas Reuniões?!

Entenda o significado das principais expressões utilizadas no escritório para não morrer de vergonha.

*Mariana Fonseca (autora)
 
Você está em uma reunião e de repente o seu chefe fala: “Converse com o sponsor para marcarmos um brainstorming e montarmos o briefing”. Aí o seu colega responde: “Eu já mandei um mail, mas ele está o.o.o.”. Hein?! Se você ficou com cara de quem está boiando completamente, não se desespere. Mesmo quem fala inglês muitas vezes se perde nesse mar de termos e siglas esquisitos. 
Para resolver isso, montamos um pequeno "dicionário do corporativês" com as principais expressões utilizadas em reuniões. Ainda assim, se você não entender alguma coisa uma vez ou outra, não precisa ter vergonha. “O profissional pode perguntar o significado de uma palavra quando não entender, mas não deve deixar as dúvidas se tornarem um hábito”, afirma Fernanda Montero, consultora da Cia de Talentos..

  • Approach: abordagem.
  • Assessment: ferramenta utilizada pelas empresas para avaliar detalhadamente o perfil e as características do profissional.
  • Board: conselho diretor.
  • Brainstorm: discussão ou conversa para troca de ideias sobre um assunto.
  • Branding: conjunto de ações ligadas à administração de uma marca.
  • Briefing: conjunto de informações para a realização de uma determinada ação, dossiê.
  • Budget: orçamento.
  • Business Plan: plano de negócios.
  • Business Unit: unidade de negócios.
  • Case: estudo de caso.
  • CEO (Chief Executive Officer): é o profissional que ocupa o cargo mais alto da empresa, presidente.
  • CIO (Chief Information Officer): é o profissional responsável pelo planejamento da área de tecnologia da informação, diretor de TI.
  • CFO (Chief Financial Officer): é o profissional responsável pela administração financeira da empresa, diretor financeiro.
  • Chairman: presidente do conselho que dirige a empresa.
  • Commodity: matéria-prima.
  • COO (Chief Operations Officer): é o profissional que cuida mais de perto da rotina do negócio, executivo-chefe de operações.
  • Coach: é o profissional que orienta a vida profissional de outras pessoas, por meio de técnicas e treinamentos específicos.
  • Core business: é o principal negócio da empresa.
  • CRM (Consumer Relationship Management): ferramenta para gestão do relacionamento com clientes.
  • Customizar: personalizar algo - um produto, um processo, um serviço, uma apresentação etc.
http://www.casadosfocas.com.br/wp-content/uploads/2013/03/deadline.gif
  • Deadline: prazo final, data em que alguma tarefa precisa ser terminada.
  • E-learning: ensino ou treinamento que acontece através da Internet.
  • Expertise: habilidade ou conhecimento técnico em determinada área.
  • Feedback: retorno ou resposta sobre o resultado de um processo ou atividade.
  • Follow-up: entrar em contato, fazer acompanhamento.
  • Forecast: previsão.
  • Hands-on: participação ativa.
  • Head: é o profissional que lidera uma área, um departamento ou um projeto.
  • Headcount: número de pessoas que trabalham em determinada equipe.
  • Headhunter: caça-talentos, recrutador.
  • Insight: ideia súbita, percepção.
  • Internship: estágio.
  • Job rotation: rotação em diferentes áreas da empresa para adquirir novos aprendizados.
  • Joint-venture: associação de duas empresas ou mais para a produção, prestação de serviços, busca de novos mercados, etc.
  • Know-how: conhecimento.
  • KPI (Key Performance Indicator): indicador de desempenho.
  • Merchandising: conjunto de atividades de marketing e comunicação destinadas a promover marcas, produtos e serviços.
  • Newsletter: boletim de notícias.
  • Networking: rede de contatos profissionais.
  • OOO (Out of Office): "ou-ou-ou" quer dizer nada mais do que ausente do escritório.
  • Outsourcing: terceirização.
  • SEO (Search Engine Optimization): conjunto de técnicas que visam otimizar o posicionamento de sites nos mecanismos de busca.
http://www.softballexcellence.com/images/InitialSet/recruiting-grow-skill.png
  • Skills: habilidades ou competências.
  • Sponsor: é o profissional responsável pelo recurso financeiro de um projeto
  • Start up: dar início a uma operação ou atividade.
  • Supply-chain: cadeia de abastecimento.
  • Trainee: profissional em treinamento.
  • Trend: tendência.
  • Target: alvo, público-alvo.
  • Workaholic: profissional viciado em trabalho.
  • Workshop: treinamento ou palestra.   

Mariana Fonseca (autora)

Mariana Fonseca A paulistana Mariana Fonseca é graduada em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. Como típica representante da Geração Y, Mariana é inquieta e faz várias coisas ao mesmo tempo: além de escrever as matérias, cuida das redes sociais, garantindo que as novidades estejam sempre circulando na rede. Há três anos escreve matérias sobre carreira e mercado de trabalho no ClickCarreira.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blogs que me encantam!


..saia justa......† Trilha do Medo ♪....Blogueiros na Web - Ensinando o Sucesso no Blogger e Wordpress!..Emprego Virtual..Blog Ebooks Grátis....http://3.bp.blogspot.com/_vsVXJhAtvc8/ShLcueg5n2I/AAAAAAAACqo/sOQqVTcnVrc/S1600-R/blog.jpg..http://lh6.ggpht.com/_vc1VEWPuSmU/TN8mZZDF9tI/AAAAAAAAIJY/GWQU-iIvToI/banner-1.jpg....Divulgar textos | Publicar artigo....tirinhas do Zé........

Estatística deste blog: Comentários em Postagens Widget by Mundo Blogger

Safernet



FinderFox

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin