15/10 - DIA DO PROFESSOR

15/10 -  DIA DO PROFESSOR
O Dia dos Professores é comemorado no Brasil anualmente em 15 de outubro. A data foi criada para homenagear esses profissionais que dedicam suas vidas à transmissão do conhecimento e ao desenvolvimento da educação no nosso país. Trata-se de um feriado escolar e não faz parte do calendário oficial como feriado nacional ou ponto facultativo. Portanto, é prerrogativa das escolas não ofertarem aula neste dia. O dia 15 de outubro foi escolhido para comemorar o dia do professor, pois em 15 de outubro de 1827, Dom Pedro I, Imperador do Brasil, decretou uma Lei Imperial responsável pela criação do Ensino Elementar no Brasil (do qual chamou “Escola de Primeiras Letras”), e através deste decreto todas as cidades deveriam ter suas escolas de primeiro grau. A comemoração começou em São Paulo, onde quatro professores tiveram a ideia de organizar um dia de parada para celebrar esta data, e também traçar novos rumos para o próximo ano. Esta data foi oficializada nacionalmente como feriado escolar através do Decreto Federal nº 52.682, de 14 de outubro de 1963. O Decreto define a razão do feriado: "Para comemorar condignamente o Dia dos Professores, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo participar os alunos e as famílias". A nível internacional, o Dia Mundial dos Professores é celebrado anualmente em 5 de outubro.

quinta-feira, dezembro 29, 2011

Alerta: se voce não gosta de Administracao, não leia este post.

O título do post é uma adaptação da "chamada publicitária" que recebi por e-mail convidando-me para ser uma assinante da revista Administradores. Foi e que fiz. Após receber e ler o primeiro exemplar gostei tanto que fiz questão de publicar essa propaganda voluntária.
Já conhecia o site deles e cheguei a publicar aqui no blog vários dos seus artigos. Ao receber o primeira edição da minha assinatura fiquei encantado.

Quem gosta dos assuntos de administração não deve deixar passar a oportunidade de conhecer a revista. Coloquei abaixo a imagem que recebi por e-mail . Ao clicar no banner indicado você será redirecionado para o site deles. Faça sua navegação e avalie.









domingo, dezembro 25, 2011

Feliz Natal!!



Esta imagem, justiça se faça, é parte do cartão de natal do Hemocentro de Brasília. É dos mais lindos que vi este ano. Não resisti e cortei a parte do texto institucional e aproveitei a mensagem de natal. Gostei do resultado. 
FELIZ NATAL A TODOS!

sexta-feira, dezembro 23, 2011

A vitória do Barça e a derrota do Santos. Dois enfoques diversos.

P
ropositadamente deixei passar quase uma semana para escrever sobre a vitória do Barcelona no domingo passado (18/12) conquistando o título de Campeão Mundial Interclubes  e a derrota do Santos, no mesmo jogo. Sim! É isso mesmo! Vitória do Barcelona  um fato e derrota do Santos outro. 
Sou o que se pode classificar como "amante do futebol". Adoro todos os esportes e amo o futebol. Não pelo jogo em si, mas pelas paixões que ele desperta, por sua linguagem universal "falada" em todos os recantos do planeta. O futebol é uma magia que toca a todos que dele se acercam. 
O que mais me impressionou após aquele, vá lá que seja... jogo de futebol entre Barcelona e Santos (já vi peladas de 2ª divisão mais emocionantes) foi a imprensa esportiva do Brasil. Li, vi e ouvi tudo que foi possível nos jornais de circulação nacional, nas emissoras de rádio e televisão de maiores audiências. Tudo. E olha que eu entendo um bocado desse negócio de acompanhar futebol!
Pois bem, os locutores, comentaristas e repórteres  que foram ao Japão e os que ficaram no Brasil, todos simplesmente emudeceram. Pior, não sabiam o que dizer! Sabe aquela imagem surrada do cachorro que caiu do caminhão de mudança. Foi assim que os jornalistas reagiram aos mais de setenta do cento com a posse da bola que o Barcelona desenvolveu, atônitos com o "baile" que o Santos tomou do Barcelona e o "chocolate" de quatro a zero. Foi um dos maiores vexames que eu já presenciei desde que comecei a acompanhar e assistir futebol. E olha que faz tempo...
Na verdade ninguém soube o que dizer; nem os jogadores  e o técnico do Santos do Santos e nem os jornalistas especializados. Sabem quem disse algo que calou fundo na estrutura do futebol brasileiro? O técnico Pepe Guardiola do Barça. Na entrevista ao ser perguntado qual o "segredo" do seu time ele respondeu com um certo ar de ironia que o Barcelona apenas toca a bola tal como faziam os times brasileiros na época do seu pai. Há, há, há! Isso foi pior do que os quatro a zero. 
A vitória do Barcelona jamais poderia ser surpresa para ninguém, pois o time joga daquele mesmo jeito todas as semanas na Europa com jogos transmitidos para o mundo inteiro. Uma semana antes havia virado o jogo sobre seu maior rival o Real Madrid de Cristiano Ronaldo, Kaká e outras estrelas após estar perdendo por um a zero ganhou de dois a um e deu um baile no Real e na casa dele. Em Madrid... Logo, onde está a surpresa? 
O Santos perdeu pelo simples motivo de que foi (e é) um time infinitamente inferior ao Barcelona e o seu técnico, Muricy Ramalho por quem, aliás, tenho grande admiração, foi arrogante e quis "inventar a roda" pra cima desse Barcelona que ai está. Montou uma formação que sequer havia treinado e jogou o seu grupo às feras. O Santos literalmente ficou assistindo o Barcelona tocar a bola e fazer gols. Eram meninos jogando contra homens. Acho que um treino com seu time reserva teria dado mais trabalho a turma do Messi.
A derrota santista foi a expressão da decadência, o nocaute da atual forma de jogar dos times e da seleção do Brasil onde – entre outras coisas - ninguém sabe (mas pensa que sabe) trocar passes que é o fundamento mais primário de qualquer jogo coletivo.
O time da Vila Belmiro perderia de qualquer maneira. Aliás, qualquer time do planeta perderia. O que ficou vergonhoso foi mostrar ao mundo inteiro que o futebol do Brasil, outrora tão encantador, parou no tempo e não evoluiu. As razões são conhecidas, embora não reconhecidas. É só levantar o pedigree e a folha corrida dos dirigentes da CBF, das federações e clubes. Começa por ai...
Agora o que resta é catar os cacos da desmoralização de Yokohama e buscar fórmulas mágicas para não levarmos novas  escovadas na Copa do Mundo de 2014 dentro de casa. A propósito, deve ser dito que os times brasileiros e a nossa (nossa?) seleção já vem dando vexames um atrás do outro há muito tempo. O que aconteceu na África do Sul contra a Holanda foi o que?
arrow - white background Valorizei o post com a transcrição (textos da edição digital da Folha da São Paulo que transformei em imagens) de dois comentários excelentes. O primeiro é desse mago das palavras e do bom humor que é Ruy Castro (não deixem de ler) e o segundo é do Tostão, disparado (opinião minha) o melhor colunista de futebol do Brasil. Um craque também com as palavras. Os dois escreveram tudo que eu queria escrever além desse texto, mas sem o brilho dos profissionais. 
 


domingo, dezembro 18, 2011

Freddie Mercury "In Memoriam". Vinte anos sem a "Rainha"...

O post abaixo é uma homenagem que o site "Em Cartaz na Web" (clique no logotipo mais abaixo) fez em memória de Freddie Mercury na passagem dos vinte anos de sua morte.
Falar de Mercury é sempre tocar as cordas da emoção para nós brasileiros que não nos esquecemos das suas mágicas apresentações no primeiro Rock In Rio. Ver e ouvir o Queen com Freddie Mercury soltando aquele vozeirão é uma lúdica volta ao passado, ao melhor passado do rock.
Abaixo estão sete vídeos com belas canções do Queen. Não pude deixar de reprisá-las quando vi o post pronto. 
Como faço sempre que tenho oportunidade de escrever sobre Mercury destaco a sua performance cantando Love Of My Life e regendo com coro de milhares de vozes. Impossível não se emocionar com a magia que surgiu ali entre o ídolo e seu público. Me emociono sempre. Ninguém jamais fará o que ele fez naquela noite memorável. 
Tenho certeza de que ninguém que passar por aqui vai reclamar. Como diriam os americanos e ingleses... Enjoy!


VINTE ANOS SEM FREDDIE MERCURY


H
á exatos 20 anos Freddie Mercury morria de pneumonia decorrente da Aids. Nascido em Zanzibar, o nome de batismo de Mercury era Farrokh Bulsara e ele viveu boa parte de sua infância na Índia, antes de se mudar para a Inglaterra na adolescência. O vocalista fo Queen ficou famoso por sua incomparável presença de palco e capacidade vocal.
O cantor foi mais uma das vítimas da Aids, que levou tanto grandes talentos no final dos anos 80 e início dos 90. Ele morreu com apenas 45 anos, menos de 24 horas após publicar uma nota oficial admitindo que sofria da doença. Nos últimos anos de vida, foi perseguido pela imprensa sensacionalista britânica, que fazia questão de registrar a decadência física causada pela Aids.
Para lembrar o incrível talento de Freddie Mercury, separamos alguns vídeos com apresentações dele e do Queen." (este pequeno texto foi copiado diretamente do site “Em Cartaz na Web” cujo link mantenho vivo na aba lateral do blog)

https://lh6.googleusercontent.com/-7fqu0d5XDrw/TasRqgds8UI/AAAAAAAAVsk/EUGq7iRIPgo/h80/colorsqu%255B1%255D.gif

 “Bohemian Rhapsody” (1975)
A Ópera Rock ainda surpreende quem a ouve pela primeira vez e alcançou um nível de popularidade surpreendente para uma obra tão ousada. Com suas elaboradas harmonias vocais, se transformou em uma favorita de karaokês. O clipe com os quatro cantando juntos é inesquecível.
  •  
 “Under Pressure” (1981)
Vanilla Ice se esforçou para desmoralizar essa música, copiando descaradamente a introdução em seu insuportável hit "Ice, ice baby". Mas a linha de baixo original, o dueto entre Mercury e David Bowie e a letra sobre as pressões do mundo moderno fazem de "Under pressure" um dos maiores sucessos do Queen.
  •  
“I Want to Break Free” (1984) 
Os quatro membros da banda vestidos de dona de casa e Mercury participando de um balé com várias referências a Baco foi demais para a MTV, que vetou esse clipe de sua programação na época.

Love of my life merece duas versões. Primeiro, em Wembley, 1986.

E no Rock in Rio, um ano antes. Aqui é diferente.
  •  
 Freddie Mercury & Montserrat Caballé - "Barcelona" (1988)
 Em 1988 Mercury gravou um disco com a soprano espanhola  Montserrat Caballe. A faixa-título, "Barcelona", se tornou o hino oficial dos Jogos Olímpicos de 1992. Os dois chegaram a apresentar a canção ao vivo em algumas oportunidades. Uma delas em 8 de outubro de 1988, na chegada da bandeira olímpica de Seul a Barcelona.
  •  
Freddie Mercury & Montserrat Caballe - "How can I go on"

Arrows gif file
O vídeo abaixo não está no post do blog "Em cartaz na Web". Coloquei-o na Oficina de Gerência por indicação e também como um gesto de carinho e amizade por uma pessoa que admiro muito na blogosfera desde que me iniciei na "carreira" de blogueiro (idos de 2007). Refiro-me a Geórgia e ao seu super-delicado-generoso e maravilhoso blog "Saia Justa" que já completou cinco anos de sucesso ininterruptos (472 seguidores). Recebi um comentário da Géorgia - sempre com muita sensibilidade - nesse post (leia abaixo) e a indicação do vídeo que é um dos clipes mais famosos do Queen e de Freddie Mercury. Confiram e visitem o blog Saia Justa. Vocês vão adorar.


https://lh6.googleusercontent.com/-7fqu0d5XDrw/TasRqgds8UI/AAAAAAAAVsk/EUGq7iRIPgo/h80/colorsqu%255B1%255D.gif

sábado, dezembro 17, 2011

Ex- presidente do Yahoo foi demitida e abriu a "caixa de ferramentas"...

O
 personagem central da novela das vinte e uma horas na TV Globo, "Pereirão”, que já foi até capa da revista Veja quando se sente ameaçada apela imediatamente para brandir uma ferramenta pesada, chave de boca, balançando-a na cara do desafeto devolvendo o desaforo.
Foi mais ou menos isso que fez a ex-presidente do Yahoo, Carol Bartz, após receber o "cartão vermelho" comunicado por telefone pelo presidente do conselho da corporação.
Imediatamente ela passou um e-mail para os 13 mil empregados do Yahoo e informou que estava demitida. ("Estou muito triste por dizer a vocês que eu acabei de ser demitida por telefone pelo presidente do conselho do Yahoo. Foi um prazer trabalhar com todos vocês e desejo a vocês apenas o melhor para o futuro.")
Na entrevista que deu após a saída não teve papas na língua e abriu a caixa de ferramentas do Pereirão. O que eu mais gostei da história toda foi ela ter dito ao presidente do Conselho quando ele lia por telefone um comunicado formal da sua demissão

– Porque você não tem os “c...” (the balls, em inglês) para me dar a noticia pessoalmente?

http://2.bp.blogspot.com/_O-4kO21pv7Q/TTxpE0BY3CI/AAAAAAAAATo/2JGGeBd0NY8/s1600/images.jpgNa mesma coletiva ela soltou os cachorros sobre o conselho de administração do Yahoo e disse textualmente para os jornalistas

- Essas pessoas me f... (fucked me over, em inglês).

Achei interessante o fato por ser inusitado. É raro ver um CEO desse quilate ser demitido e sair “soltando fogo pelas ventas” como se diz no meu Nordeste. Normalmente a gente tem vontade, mas se contém e fica com o gosto amargo na boca.  
Algo semelhante já aconteceu comigo. Em 1999 eu era diretor da Codevasf e fui exonerado sem prévio aviso. Pior, soube por um funcionário subalterno que me trouxe o Diário Oficial da União com a publicação do ato. Eu estava trabalhando normalmente em meu gabinete e incrédulo fiquei sem ação imediata. O sangue desceu, a pressão caiu... Um horror! Foi um dos piores momentos que vivi na minha carreira de administrador. Um dia ainda conto a história direitinha.
Fiz esse parêntese para ilustrar a vontade de botar a boca no trombone contra os comandantes, os chefes que não tem a coragem de demitir pessoalmente seus auxiliares diretos. Eu classifico esse comportamento como o mais covarde dos defeitos que um gestor possa ter. Nem o chamo de líder, pois uma pessoa que age assim jamais o terá sido ou será.
http://2.bp.blogspot.com/--knHEYH0q7o/TZ2by5KTt6I/AAAAAAAACnc/WfGW7idGnSE/s400/boca_no_trombone.pngNem todos têm a oportunidade de dar entrevistas como a ex-presidente do Yahoo, Carol Bartz, mas que todos gostariam de agir como ela... Aaah! Não tenham dúvidas disso.
A lição que destaco do episódio é essa. Quem quer que esteja ocupando cargos de chefia e decidirem demitir algum dos seus colaboradores diretos nem pense em mandar recados ou telefonar. Chame-o à sua sala e diga-lhe direta e pessoalmente olhando-lhe nos olhos, que ele está fora dos seus planos. Por pior que possa ser a reação de momento com certeza será melhor do que receber a noticia de forma indireta.
Demitir alguém sem a coragem de falar-lhe cara a cara além de ser um ato explícito de covardia é também de desumanidade.
Abaixo está a reportagem que a Folha de São Paulo publicou no dia seis p.p. quando a executiva foi demitida.



sexta-feira, dezembro 16, 2011

Frases da Semana: Existe vida em outro planeta? Cristiano Ronaldo dançou e Michel Teló faturou...


http://2.bp.blogspot.com/_REOMfyCvnpQ/S8eyigj6xCI/AAAAAAAAAEk/xnbRHyVNdvM/s400/blabla.gif

Sexta feira de volta e com ela as divertidas, curiosas e espantosas "Frases da Semana" que "transporto", com alguns retoques, do blog "O Filtro" da revista Época.
Como de praxe seleciono umas frases mais digamos... cabeludas para despertar a curiosidade dos internautas sem revelar de pronto quais são os autores. Leiam o post completo e descubram as celebridades que as cometeram. É uma espécie de "quiz" que faço nestes posts para deixar um pouco mais alegre a leitura. Eis a seleção dessa semana:
    • “Não era um jogo. Era um vício em drogas, muita cocaína que poderia ter terminado na morte dele ou de outra pessoa”
    • “A dança do Cristiano Ronaldo mudou minha vida”
    • “O corpo é meu e vou tirar vantagem dele quando quiser”
    • “A vida existe fora da Terra, não tenho a menor dúvida”
    • “Quer relatar, relata, mas você está colocando o pé na cova”
 
A "Personalidade da Semana" 
A cada semana elejo um dos autores de frases selecionadas no post como a minha  "Personalidade da Semana".
É uma escolha que faço para distinguir - a meu critério - quem tenha se destacado de alguma forma pela frase que disse na semana. Nesta semana escolhi alguém de quem sou um admirador devotado. Falo do físico, escritor e cientista Marcelo Gleiser. A frase dele, com o peso de sua autoridade científica tem um enorme impacto notadamente quando nesta semana a NASA anunciou a descoberta de um planeta (Kepler 22b) girando em torno de um "novo sol" com potencial de conter vida. O que disse Gleiser? Leia abaixo:
  • "A vida existe fora da Terra, não tenho a menor dúvida”
http://content-portal.istoe.com.br/istoeimagens/imagens/mi_1490544002776888.jpg
Dois Pontos: As Frases da Semana

 
“Nunca tinha passado por uma situação dessas”
Valesca Popozuda, funkeira, sobre confusão que se instalou na boate em que ela se apresentava. Pouco antes de deixar o palco, começaram a voar cadeiras, garrafas e almofadas


“Ele também comprou um Legacy, que deve ser entregue em janeiro” Frederico Curado, presidente da Embraer, em comentário sobre o ator Jackie Chan. Ele foi contratado como garoto propaganda pela empresa brasileira

“310-954-7277. Me liga, irmão. C”
Charlie Sheen,
ator. Ele divulgou seu telefone pelo Twitter para 5,5 milhões de seguidores, quando pretendia mandar uma mensagem privada para o cantor Justin Bieber

“Não era um jogo. Era um vício em drogas, muita cocaína que poderia ter terminado na morte dele ou de outra pessoa”
Chuck Lorre, criador da série de TV Two and a Half Men, em comentário sobre a demissão do ator Charlie Sheen, ocorrida no início do ano

“Gosto muito do Parlamento”
Mario Negromonte
, ministro das Cidades alvo de denúncias de irregularidades, sobre a possibilidade de deixar o cargo e voltar à Câmara dos Deputados

“Em vez de pedir desculpas à nação iraniana, eles despudoradamente pedem o avião de volta”
Ahmad Vahidi, ministro da defesa do Irã. Os Estados Unidos pediram a devolução de um avião espião capturado pelo exército iraniano

 
“A dança do Cristiano Ronaldo mudou minha vida”
Michel Teló, cantor, comentando uma comemoração do jogador português, que dançou “Ai se eu te pego” ao fazer um gol pelo Real Madrid. Depois disso, a música ficou entre as mais compradas na loja virtual iTunes da Europa


“Não quero mais sofrer por amor. É muito ruim sentir dor no coração”
Giovanna Antonelli,
atriz, à revista Joyce Pascowitch

“Acho que seria uns 4 a 2 para a gente”
Zico, ex-jogador de futebol, comentando um hipotético duelo entre o Flamengo campeão mundial de 1981 e o Barcelona

“Eu cheguei a paquerar a Eliana”
Daniel, cantor, em entrevista no programa de Hebe Camargo, comentando sobre a apresentadora Eliana

“É tudo japonês”
Fernando Henrique Cardoso,
ex-presidente, sobre a semelhança entre os pré-candidatos à Prefeitura de São Paulo

“Morrerão pessoas neste verão. E nos próximos”
Aloizio Mercadante,
ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, afirmando que o governo não tem como evitar fatalidades ocorridas por conta da temporada de chuvas

 
“Eu tenho 19 anos! PEITOS CRESCEM, GENTE!”
Miley Cyrus, cantora e atriz, em post no Twitter. Ela negou os boatos de que teria colocado silicone nos seios


“Ele me disse ‘boa aula’, saiu feliz e não sofreu”
Maria Fernanda Cândido,
atriz, sobre a adaptação de seu filho Nicolas, de 3 anos, à escola

“É muito difícil aceitar uma traição”
Idem,
em coletiva de imprensa da minissérie “Brado Retumbante”

“O Brasil logo será nosso principal mercado”
Dana White,
presidente do torneio de lutas UFC

“Se você pegar as entrevistas, vai perceber que não importa o que o repórter perguntou. Ele dava um jeito de falar do que quisesse”
Dora Jobim,
falando à revista TPM sobre seu avô Tom Jobim

 
“Eu me vejo no Tiago há 30 anos atrás: abusado e folgado”
Galvão Bueno, ao cumprimentar o apresentador Tiago Leiffert, durante o programa Bem, Amigos da Sportv


“Quem falou que nós vamos pegar dinheiro do BNDES?”
Andrés Sanchez,
presidente do Corinthians, negando que o clube fará uso de empréstimos do BNDES para financiar o novo estádio

“Estávamos em busca de uma homenagem adequada”
Site de jogos OnlineGamblingPal.com, em comunicado. A empresa comprou por US$ 1000 fios de cabelo do cantor Michael Jackson, recolhidos do ralo de um banheiro nos anos 1980, e irá transformá-los em uma bolinha de roleta

“O corpo é meu e vou tirar vantagem dele quando quiser”
Veena Malik,
atriz paquistanesa que foi ameaçada de morte e acusada de trair seu país por posar para uma revista masculina

“Sou a pessoa mais sem novidades do mundo”
Reynaldo Gianecchini,
ator que está se tratando de um câncer

“A vida existe fora da Terra, não tenho a menor dúvida”
Marcelo Gleiser, físico, sobre a existência de alienígenas

 
“É difícil encontrar uma sincera”
Neymar, falando à revista TPM sobre as mulheres


“Adoro trabalhar com gente muito ocupada. Quem está à toa não costuma ser tão bom, né?”
Marisa Monte,
cantora

“Estamos acostumados”
Muricy Ramalho,
técnico do Santos, quando interrogado por jornalistas japoneses sobre o golaço de Neymar contra o Kashiwa Reysol, pelo Mundial de Clubes da FIFA

“Eu pensava: Isso é tão idiota”
Paris,
filha de Michael Jackson, durante entrevista para Ellen DeGeneres. A garota de 13 anos diz que agora entende que o pai só quis protegê-la do assédio da imprensa

“Não estou tão definida e forte. Isso é luz de estúdio e ângulos… Pessoalmente sou tão pequena… Tudo truque!”
Jaque Khury,
panicat e ex-BBB, negando que esteja tão musculosa

“Tenho convicção de que a moda acabou”
Ronaldo Fraga,
estilista. Ele está fora da próxima edição da São Paulo Fashion Week após 17 anos

 
“Te recebo por minha surpresa”
Felipe Dylon, cometendo uma confusão na hora dos votos de seu casamento com a atriz Aparecida Petrowky. Ele deveria dizer “te recebo por minha esposa”



“Eu não estou procurando”  
Kim Kardashian, socialite, questionada se irá encontrar o amor novamente. Ela se divorciou 72 dias após se casar com o jogador de basquete Kris Humphries

“Quer relatar, relata, mas você está colocando o pé na cova”
Neilton Barbosa,
corregedor da Polícia Militar de Pernambuco, aconselhando o PM João Dias a não fazer denúncias contra o governo do Distrito Federal. Após a divulgação da gravação da conversa, Barbosa foi afastado da Corregedoria

“Palestra do Fernando Pimentel, aqui não teve”
Dina Gonçalves,
do departamento de eventos da Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), regional Pontal do Triângulo. Hoje ministro do Desenvolvimento, Pimentel diz que recebeu R$ 1 milhão da Fiemg por palestras

“É como ganhar uma medalha”
Igor de Oliveira,
comprador do primeiro iPhone 4S vendido no Brasil

“As mulheres são muito mais que uma carinha bonita e um belo corpo, e Rousseff é prova disso”
Michele Bachelet,
secretária geral adjunta da ONU, sobre a presidente Dilma Rousseff

 
“Ele se atirou no meu pé”
George Clooney, comentando sobre quando conheceu seu cachorro, Einstein. Para conquistar o cão, ele esfregou almôndegas nos pés


Por: Matheus Paggi (matheusp@edglobo.com.br), com Marcelo Moura, Humberto Maia Junior e Felipe Pontes
Fotos: Valesca Popozuda (Bruno Gonzalez/EXTRA/Agência O Globo); Miley Cyrus (Frazer Harrison/Getty Images); Galvão Bueno (Michel Filho/ Agência O Globo); Neymar (Marcos Alves/ Agência O Globo); Felipe Dylon (Wagner Santos/Editora Globo); George Clooney (Samir Hussein/Getty Images)
.