20 DE JULHO DE 2024 - SÁBADO - DIA DO AMIGO



Bem vindo

Bem vindo

FRASE DO DIA

FRASE DO DIA

FRASE COM AUTOR

FRASE COM AUTOR

segunda-feira, 8 de julho de 2024

7 dicas sobre como NÃO motivar uma equipe



Como liderar uma equipe fazendo tudo ao contrário


Não aprecio muito os textos que empregam listas como "receita de bolo". Geralmente, não dão criatividade aos temas que tratam. 

Este artigo, que trago ao blog, trata de um tema sempre fascinante: a liderança. Mas, aqui, não consegui encontrar o autor original na internet (devo dizer que o texto já foi publicado em mais de um blog, pelo menos)

Ele trata do que podemos chamar de "anti liderança". Já ouviu ou leu alguma coisa a respeito? É uma forma esperta de chamar a atenção para o correto, por meio do que não se deve fazer.

Os sete itens que o autor listou são os mais comuns entre os "falsos líderes". Infelizmente, a selva corporativa tem muitos desses personagens. As características estão abaixo.

Tenha todo cuidado se se identificar com algumas delas. Os seus "proprietários" parecem ter consciência de que são qualidades das suas lideranças e tendem a cultivá-las à medida que sobem nas hierarquias. Mal sabem eles que o golpe está por vir e será ainda maior se continuarem incentivando esses "talentos".

Confira a lista.


7 dicas sobre como NÃO motivar uma equipe 


1. Guarde tudo para si
Todo mundo quer roubar suas idéias. Não compartilhe nada. Se for fazer uma apresentação em grupo, diga aos seus companheiros de equipe que a sua parte será uma surpresa, ou que não ficou pronta a tempo de ser discutida com eles antes da apresentação definitiva.
2. Não se dê ao trabalho de perguntar a seus colegas sobre as tarefas deles


Afinal, eles estarão fazendo o mesmo que você, guardando tudo para si, e mantendo em segredo tudo o que fazem. Ademais, por que se preocupar? A continuidade e coordenação das atividades não é responsabilidade só sua… Se algum membro da equipe comunica que precisará de um determinado recurso, não a leve a sério. Se ele estiver “mesmo” precisando, vai atrás sozinho, ou vai brigar por ele.

3. Certifique-se de que não haverá incentivos
Especialmente recompensas, presentes e encontros. Isto amolece o grupo.
4. Não tome qualquer atitude
Sempre existe chance de que seus colegas são os que estão de fato fazendo as contribuições que agregam valor. Concentre-se em brilhar mais do que eles, preparando apresentações no PowerPoint usando todas as palavras da moda.
5.  Não respeite a agenda alheia
Mostre que é você quem manda. Atrase o horário de início de várias reuniões, marque-as e adie-as com pouquíssima antecedência, e tome decisões cruciais em reuniões que não tenham sido agendadas previamente, e na ausência das pessoas realmente interessadas.
6. Sempre considere que todos estão integralmente alocados ao projeto
Aloque as pessoas aos cronogramas como se elas não estivessem envolvidas com nenhum outro projeto ou operação. Se você controla mais do que um cronograma, aloque as mesmas pessoas a todos eles, considerando a mesma premissa.

7. Nunca esclareça totalmente os objetivos
Definir os objetivos antes de ter o trabalho encerrado é dar aos inimigos uma oportunidade de avaliá-lo objetivamente, ou até mesmo de considerá-lo ineficaz! Além disso, expor o objetivo pode vir a dificultar na hora de decidir livremente os rumos dos projetos, ou de usá-los em prol de seus próprios objetivos pessoais ao longo de seu ciclo de vida.

Por minha conta vou inscrever mais três itens na relação do autor:


8. Forme e permita a formação de "grupinhos" entre seus subordinados

Nada mais nocivo para uma liderança do que fechar os olhos para a formação de grupos de interesse comum dentro do seu espaço corporativo. É um convite para o cultivo de lideranças informais, contestação de seu comando e sabotagens de suas ordens.

9. Não aplique a "Regra da Igualdade"

Não aplique, nos seus critérios de liderança, a famosa "Regra da Igualdade" proposta por Rui Barbosa (veja imagem abaixo):


Isto fará prosperar a política do demérito e o descontentamento daqueles que, trabalham mais e melhor, e são preteridos pelos "puxa-sacos", na distribuição dos méritos e premiações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Convido você, caro leitor, a se manifestar sobre os assuntos postados na Oficina de Gerência. Sua participação me incentiva e provoca. Obrigado.