1 de mai de 2010

A linguagem do sucesso? Seu corpo a conhece ?

http://biologiaecologia1globalwarming.files.wordpress.com/2009/11/linguagem-corporal.jpg
E
screvo muito aqui no blog sobre linguagem corporal. Confesso que sou um "fissurado" pelo assunto. Já li e reli inumeras vezes o livro clássico sobre o assunto que é "O Corpo Fala" de Pierre Weil. Utilizo o ferramental da linguagem do corpo há muitos anos. Tomei conhecimento desta "ciência" por meio de amigos que frequentavam a Universidade da Paz  (UNIPAZ) em Brasilia ao tempo em era dirigida pelo mestre Pierre Weil e que me induziram a assistir uma palestra sobre o assunto. Fui e nunca mais voltei a ser a pessoa que era antes da palestra. Identifiquei-me com o novo conhecimento e passei a ler praticar com as observações aos menores gestos e expressões das pessoas à minha volta e fora dela. 
Minha vida, profissional e pessoal, deste ponto à frente mudou de cor e eu passei a obter crescente sucesso nos contatos que fazia e sempre com o auxilio da nova "bruxaria". Isso mesmo! Parece uma mágica quando você começa a acertar suas "leituras" sobre as expressões corporais dos seus interlocutores. 
http://images.quebarato.com.br/photos/big/0/7/A0707_1.jpgOs resultados são fantásticos e fascinantes. E quando mais você estuda mais vai desenvolvendo sua capacidade de "conversar digamos... corporalmente, com qualquer pessoa que cruze sua vida. 
Por isto considero-me um absoluto e total praticante desta "magia"que é o conhecimento e a leitura da linguagem corporal. E recomendo aos que estejam na mesma faina e aos pretendentes a iniciar-se que nunca se considerem expertos na ciência. 
O aprendizado é permanente, para o resto de suas vidas, pois assim como qualquer ente vivo o idioma das expressões corporais é permanentemente mutável. Ele acompanha os movimentos dos costumes, das culturas corporativas e familiares,  enfim da vida em si mesma. 
O artigo abaixo é um dos que considerei de bom nível para refrescar a cabeça de quem já conhece e dar uma boa base de lançamento para quem ainda é neófito ou curioso. Eis um breve trecho para despertar a curiosidade da leitura:

  • [...] "Nunca corra para responder a uma pergunta e jamais, jamais!, interrompa ou complete uma pergunta do seu interlocutor. Na hora de responder, para despertar extrema confiança no seu ponto de vista, olhe firmemente nos olhos do outro enquanto faz sua afirmação. Mas atenção: a técnica olhos nos olhos e “Sim, meu amor, eu estava no trabalho até agora” pode não funcionar às 3 da manhã do sábado." [...]
 
SEU CORPO CONHECE A LINGUAGEM DO SUCESSO?

http://www.artigos.com/images/comprofiler/83_44e1e594253e3.jpgwww.dralessandroloiola.blogspot.com
Naqueles tempos de estudante universitário, em que a carteira só servia para carregar fotos 3x4 e teias de aranha, a saída mais freqüente para conseguir algum dinheiro era dar aulas como professor substituto. Apesar de minha experiência pedagógica na época ser pouco superior a de um jabuti, tentava compensar a falta de técnica com doses extras de esforço e dedicação.
Entre reuniões de pais e mestres, pautas, mortos e feridos, dar aula foi uma ótima escola. Quem ensina aprende duas vezes. E também era divertido, especialmente – e aqui desculpem o sadismo – por causa do dia de avaliação: enquanto entregava as provas com a cara mais séria desse mundo, naquele silêncio angustiante, tentava perceber quem tinha estudado e quem estava ali mais perdido que cachorro em final de feira. Tudo culpa da linguagem corporal.
A linguagem corporal diz muito sobre você, mais até do que você gostaria. O corpo é um ofoqueiro capaz de contar todos aqueles segredos que você fez questão de deixar em casa – como, por exemplo, o fato de não ter estudado uma linha sequer para a bendita prova. O modo como você se senta oferece uma informação rápida sobre seu estado de espírito: a coluna excessivamente ereta significa nervosismo (tem cola escondida na cadeira?); uma postura excessivamente encurvada significa falso relaxamento (esse vai colar com certeza!).
 o
http://www.linguagemcorporal.com.br/images/linguagemcorporal_dir.gif
o
Anos mais tarde, reconhecer padrões de linguagem corporal provou ser uma habilidade valiosa.
- O senhor fuma ou bebe muito?
- Não, doutor, de modo algum! - responde o sujeito do outro lado, desviando os olhos e coçando discretamente o nariz, senha a clássica para “lá vem uma mentira cabeluda daquelas!”.
Saber que o corpo está falando mesmo quando você está em silêncio pode fazer toda a diferença. Por exemplo, durante uma entrevista para um novo emprego. Sente-se e incline-se levemente para frente, passando uma imagem de firmeza e disposição. De preferência, as mãos devem permanecer repousadas sobre o joelho ou sobre a mesa – mãos inquietas demonstram insegurança e possibilidade de mentira a qualquer momento. Gesticular pode lhe ajudar a construir idéias complexas, mas cuidado com o excesso de idéias complexas. Você está tentando um emprego, não treinando Kung-Fu.
http://www.linguagemcorporal.com.br/images/clinton.JPGDurante a apresentação de um projeto que pode significar aquele salário dos sonhos, posicione-se com os pés alinhados com os ombros, nem muito abertos, nem muito fechados, jogue os ombros discretamente para trás e incline levemente o tronco para frente (acredite: é mais fácil fazer que descrever). Esta manobra faz com que o corpo permaneça sempre em uma posição mais ereta e confiante, mas se você exagerar muito, pode terminar com o aspecto do Pato Donald – e lá se vai a chance de aumento. Movimente-se um pouco para enfatizar pontos importantes, demonstrar dinamismo e evitar o tédio. Ficar parado, balançando o corpo para frente e para trás ou para os lados como uma torre de geléia, significa falta de competência e controle.

Nunca corra para responder a uma pergunta e jamais, jamais!, interrompa ou complete uma pergunta do seu interlocutor. Na hora de responder, para despertar extrema confiança no seu ponto de vista, olhe firmemente nos olhos do outro enquanto faz sua afirmação. Mas atenção: a técnica olhos nos olhos e “Sim, meu amor, eu estava no trabalho até agora” pode não funcionar às 3 da manhã do sábado.
A linguagem corporal também pode ser útil no mundo das conquistas amorosas. Para demonstrar sua disposição, olhe os lábios do outro enquanto conversa – esta é uma das formas mais fáceis para expressar interesse romântico. Se estiverem sentados, imite a posição do outro dentro do possível, criando uma sensação de empatia, como se você fosse alguém de casa. De pé, evite ficar com as mãos nos bolsos (significam falta de interesse e nervosismo) ou de braços cruzados (atitude defensiva, você está se protegendo da chatice do outro?). E sorria! Sorrisos são molduras para personalidades positivas, amigáveis, entusiásticas, quem não quer estar perto de alguém assim?
Seja no consultório médico, na escola, tentando um emprego ou um novo amor, vejo pessoas caindo em contradição ou perdendo grandes oportunidades porque não aprenderam que as palavras mais importantes muitas vezes não são transmitidas pela voz, mas pela atitude. Será que seu corpo conhece a linguagem do sucesso?

Sobre o Autor  - Dr. Alessandro Loiola é médico, palestrante e escritor, autor de PARA ALÉM DA JUVENTUDE – GUIA PARA UMA MATURIDADE SAUDÁVEL (Ed. Leitura, 496 pág.) e VIDA E SAÚDE DA CRIANÇA (Ed. Natureza, 430 pág.). Atualmente reside e clinica em Belo Horizonte, Minas Gerais.

2 comentários:

  1. Olá amigo Herbert, também sou uma apaixonada pelo assunto; inclusive, a minha monografia de final de curso fala exatamente sobre a influência da comunicação não verbal em negociações bem sucedidas ou não. Usei este livro como uma das minhas fontes de pesquisa e já o li várias vezes, assim como você. Amei o artigo que escrveu sobre o assunto. Atualmente, dando aulas, procuro observar a linguagem não verbal dos alunos para saber se a aula está interessante ou não. Dessa forma, posso mudar os meu métodos e está funcionando. O aproveitamento de minhas turmas é alto.
    Aproveito para deixar aqui o meu abraço. Fique com Deus meu amigo!

    ResponderExcluir
  2. Cara Jaqueline,
    Parabéns! Você vai verificar e pelo visto está acontecendo que tudo à sua volta irá melhorar. E não pode ser diferente, pois tudo que somos, fazemos e nos envolvemos está repleto de pessoas e nossos relacionamentos com elas não é mesmo? Como então abdicar de conhecê-las o mais profundamente que pudermos.
    Esse é o principio do sucesso que o estudo da Linguagem Corporal está obtendo entre aqueles, como você, que querem crescer em suas corporações e entender os seres humanos com os quais convive.
    Espero viver para ainda ver a Linguagem Corporal ser matéria de 1º e 2º e ainda estar nos currículos das universidades. Todas as universidades.
    Tenho algumas dicas para lhe dar, mas só depois que você vivenciar um bom tempo a utilização dessa ferramenta. Por ora posso lhe adiantar o seguinte: apesar de tudo que leu nos livros o que vai valer no final é a sua observação, os seus código, as suas anotações. Existem reações que são comuns, todavia as diferenças entre as pessoas farão também diferença em seus registros. Portanto, muita atenção às conclusões sobre as "transmissões" que recebe dos seus interlocutores. Esteja sempre atenta. Muita atenta e nunca aceite a primeira leitura que lhe chegar à mente. Confirme-a sempre.
    Boa sorte e grande abraço. Feliz, como sempre em vê-la aqui na (sua) Oficina

    ResponderExcluir

Blogs que me encantam!


..saia justa......† Trilha do Medo ♪....Blogueiros na Web - Ensinando o Sucesso no Blogger e Wordpress!..Emprego Virtual..Blog Ebooks Grátis....http://3.bp.blogspot.com/_vsVXJhAtvc8/ShLcueg5n2I/AAAAAAAACqo/sOQqVTcnVrc/S1600-R/blog.jpg..http://lh6.ggpht.com/_vc1VEWPuSmU/TN8mZZDF9tI/AAAAAAAAIJY/GWQU-iIvToI/banner-1.jpg....Divulgar textos | Publicar artigo....tirinhas do Zé........

Estatística deste blog: Comentários em Postagens Widget by Mundo Blogger

Safernet



FinderFox

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin